Caso Amarildo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Gnome globe current event.svg
Este artigo ou seção é sobre um evento atual. A informação apresentada pode mudar rapidamente.
Editado pela última vez em 1 de abril de 2014.

Amarildo Dias de Souza (Rio de Janeiro, 1965/1966) é um ajudante de pedreiro brasileiro que ficou conhecido nacionalmente por conta de seu desaparecimento, desde o dia 14 de julho de 2013, após ter sido detido por policiais militares e conduzido da porta de sua casa, na Favela da Rocinha, em direção a sede da Unidade de Polícia Pacificadora do bairro. Seu desaparecimento tornou-se símbolo de casos de abuso de autoridade e violência policial.1 Os principais suspeitos no desaparecimento de Amarildo são a própria polícia.2 3 4

Biografia[editar | editar código-fonte]

Morador desde que nasceu da favela na Rocinha, na zona sul do Rio de Janeiro, Amarildo era o sétimo de 12 irmãos e filho de uma empregada doméstica e de um pescador.5 6 Analfabeto, só escrevia o próprio nome e começou a trabalhar aos 12 anos vendendo limão.7 Casado com a dona de casa Elizabeth Gomes da Silva e pai de seis filhos, com quem dividia um barraco de um único cômodo.5 Conhecido como "Boi", trabalhava como pedreiro e fazia biscates na comunidade.1 7 8 9

Desaparecimento[editar | editar código-fonte]

Entre os dias 13 e 14 de julho de 2013, uma operação batizada de Paz Armada mobilizou 300 policiais na Rocinha e prendeu suspeitos sem passagem pela polícia, logo depois de um arrastão ocorrido nas proximidades da favela, e de acordo com a polícia, 30 pessoas foram presas, entre elas Amarildo.5 6 Ele havia acabado de voltar de uma pescaria e foi detido e conduzido por policiais militares da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) da Rocinha na noite do dia 14.5 10 Liberado após poucos minutos na delegacia após concluída a averiguação na UPP da Rocinha, desde então não se conhece o paradeiro do pedreiro. Dois dias depois, a família registrou o seu desaparecimento.7

Investigação[editar | editar código-fonte]

Segundo a versão da polícia, os PMs teriam confundido Amarildo com um traficante de drogas com mandado de prisão expedido pela Justiça.8 A própria polícia ou traficantes da comunidade são os principais suspeitos do desaparecimento de Amarildo.2 3 4

Na noite em que foi detido, duas câmeras diante da UPP tiveram problemas e o GPS dos carros de polícia estavam desligados.11 12 Responsável pelas duas câmeras da UPP, a Emive constatou que elas estavam queimadas e alegou que falhas são frequentes em redes elétricas instáveis. No entanto, das 84 câmeras na Rocinha, apenas as da UPP apresentaram problemas naquela noite.13

A polícia civil foi informada de que um corpo tinha sido encontrado na comunidade da Rocinha e os agentes foram procurá-lo, mas constataram que não era de Amarildo.14

Repercussão[editar | editar código-fonte]

O caso de Amarildo virou um símbolo de desaparecimentos não esclarecidos pela polícia.1 A campanha “Onde está o Amarildo?” foi iniciada nas redes sociais, especialmente pelo Facebook, com o apoio de movimentos como as Mães de Maio e da Rede de Comunidades e Movimentos contra a Violência.15 Foram organizados atos por moradores da Rocinha, contando com a participação da sociedade civil.16 17 18 A repercussão aumentou, artistas como MV Bill15 , Wagner Moura19 e Caetano Veloso20 manifestaram-se publicamente, assim como a Comissão da Verdade fluminense21 O desaparecimento também passou a ser conhecido internacionalmente22 , desde a Anistia Internacional23 ao Financial Times24

O governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral recebeu a família de Amarildo e prometeu “mobilizar todo o governo” para encontrá-lo.25 A família do pedreiro entrou no programa de proteção à testemunha.26

Referências

  1. a b c Sumiço de Amarildo no Rio vira símbolo de casos não esclarecidos - Zero Hora, 03 de agosto de 2013
  2. a b Ministra considera policiais principais suspeitos por desaparecimento de Amarildo - O Estado de S.Paulo, 02 de agosto de 2013
  3. a b Desafio de UPPs é garantir que policiais respeitem direitos humanos, diz conselheiro - Agência Brasil, 08 de agosto de 2013
  4. a b Em escutas captadas, suspeito diz que Amarildo foi morto pelo tráfico da Rocinha para "manchar" UPP - R7, 10 de agosto de 2013
  5. a b c d A Rocinha quer saber: onde está Amarildo? - O Globo, 24 de julho de 2013
  6. a b Amarildo Presente - Agência Pública, 29 de julho de 2013
  7. a b c Família de Amarildo diz acreditar que pedreiro já está morto - Folha de S.Paulo, 02 de agosto de 2013
  8. a b Jorge Antonio Barros: Onde está Amarildo? Junte-se a nós em busca da resposta - Blog Repórter do Crime, 20 de julho de 2013
  9. William de Oliveira: Hoje a Rocinha grita Cadê o Amarildo?? - Viva Favela, 23 de julho de 2013
  10. Delegado faz reconstituição dos últimos passos de Amarildo - O Globo, 06 de agosto de 2013
  11. GPS de carro que transportou Amarildo estava desligado, diz Polícia Civil - Agência Brasil, 08 de agosto de 2013
  12. Polícia tenta localizar corpo na Rocinha que pode ser de Amarildo - G1, 07 de agosto de 2013
  13. Eliane Brum:Onde está Amarildo? - Época, 05 de agosto de 2013
  14. Suposto corpo de Amarildo não é encontrado e polícia encerra buscas - Correio Braziliense, 07 de agosto de 2013
  15. a b Campanha “Onde está o Amarildo?” Contra a violência policial nas favelas - GlobalVoices, 26 de julho de 2013
  16. Pedreiro aparece em carro da UPP - Meia Hora, 22 de julho de 2013
  17. RJ: moradores da Rocinha protestam contra desaparecimento de pedreiro - Bom Dia Brasil (G1), 02 de agosto de 2013
  18. Ato por Amarildo, desaparecido na Rocinha, reúne parentes e artistas - G1, 11 de agosto de 2013
  19. Wagner Moura cobra esclarecimentos sobre Amarildo de Souza - UOL Cinema, 10 de agosto de 2013
  20. Caetano Veloso: Pai - O Globo, 11 de agosto de 2013
  21. [Comissão da Verdade cobra da PM desaparecimento de morador da Rocinha Comissão da Verdade cobra da PM desaparecimento de morador da Rocinha] - Jornal do Brasil, 22 de julho de 2013
  22. Mistério: pedreiro desaparece no Rio e sumiço ganha repercussão mundial - Domingo Espetacular (R7), 04 de agosto de 2013
  23. Anistia Internacional cobra das autoridades desfecho do caso Amarildo - Agência Brasil, 11 de agosto de 2013
  24. Financial Times também se pergunta "Onde está Amarildo" - Exame, 04 de agosto de 2013
  25. Cabral promete mobilizar governo para descobrir paradeiro de morador da Rocinha desaparecido - O Globo, 24 de julho de 2013
  26. Parentes de Amarildo entram para programa de proteção a testemunhas- Agência Brasil, 24 de julho de 2013