Castelo de Dunnottar

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Castelo de Dunnottar
Dunnottar Castle 2.jpg
Localização Stonehaven, Aberdeenshire, Escócia
Construção Século XIII
Construído por  ?
Tipo de construção  ?
Estilo  ?
Estado Ruínas
Conservação Bom
Proteção Categoria A

O Castelo de Dunnottar localiza-se a cerca de três quilômetros ao Sul de Stonehaven, na costa Nordeste da Escócia.

Erguido em posição dominante sobre o mar, no topo de uma falésia, a sua atual estrutura remonta ao século XIII. Sabe-se, entretanto, que existiu um castelo mais antigo, no mesmo local, construído por tribos da Caledônia, por volta do ano 84.

O Castelo de Dunnottar desempenhou um papel fulcral na história da Escócia, na Idade Média, devido à sua localização estratégica, permitindo uma vigilância acurada da circulação de navios naquele litoral, assim como das movimentações terrestres.

Actualmente em ruínas, é propriedade privada. Encontra-se aberto ao público, sendo visitado por centenas de turistas todos os anos, sendo ainda apreciada a observação de gaivotas e outras aves, que o habitam em copioso número, fazendo desta zona costeira da Escócia um santuário do norte da Europa, em termos de populações e diversidade de espécies naturais.

Características[editar | editar código-fonte]

As ruínas estão dispersas por uma área de cerca de três acres, cercada por falésias escarpadas, que se lançam sobre o Mar do Norte, cinquenta metros abaixo.

O acesso ao castelo é feito por um caminho estreito, que o une a terra e por uma escadaria íngreme, que conduz a um portão maciço.

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

O filme Hamlet, de 1990, com Mel Gibson e Glenn Close foi filmado neste castelo.

Ver também[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Castelo de Dunnottar
Ícone de esboço Este artigo sobre um castelo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.