Cavia intermedia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


Como ler uma caixa taxonómicaCavia intermedia
Taxocaixa sem imagem
Estado de conservação
Status iucn3.1 CR pt.svg
Em perigo crítico (IUCN 3.1) [1]
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Ordem: Rodentia
Família: Caviidae
Subfamília: Caviinae
Género: Cavia
Espécie: C. intermedia
Nome binomial
Cavia intermedia
Cherem, Olimpio & Ximenez, 1999
Distribuição geográfica
Cavia intermedia distribution.png

Cavia intermedia é uma espécie de roedor roedor da família Caviidae.

Endêmica do Brasil, é encontrada apenas nas Ilhas Moleques do Sul, no estado de Santa Catarina.

Descrição[editar | editar código-fonte]

Esta espécie de preá mede aproximadamente 25 cm de comprimento e pesa cerca de 600 gramas.[2] É herbívoro, alimentando-se somente de gramíneas. Reproduz-se durante o ano inteiro, especialmente no verão. Cada fêmea tem de um a dois filhotes e a gestação dura dois meses. A prole nasce com cerca de metade do tamanho do adulto.

Ameaças[editar | editar código-fonte]

Reconhecida oficialmente pela comunidade científica em 1999, Cavia intermedia é atualmente considerada criticamente em perigo pela União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN),[3] devido ao número estimado de adultos remanescentes ser de apenas 42, bem como o fato da distribuição geográfica ser uma das menores dentre todos os mamíferos do planeta (cerca de 10 hectares)[4] . Por conta da limitação territorial, Cavia intermedia praticamente não apresenta mais variabilidade genética [5] . No entanto, a maior risco de extinção da espécie está no pequeno número de femeas adultas disponíveis na população, sob constantes ameaças pelo uso humano da ilha com uso de fogueiras e introdução de espécies exóticas[6] . Além disso, a introdução de um animal que possa tornar-se seu predador na ilha pode exterminá-la.[7]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • CHEREM, J. J.; OLIMPIO, J.; XIMENEZ, A. Descrição de uma nova

espécie do gênero Cavia Pallas, 1766 (Mammalia-Caviidae) das Ilhas dos Moleques do Sul, Santa Catarina, Sul do Brasil. Biotemas, v. 12, n. 1, p. 95–117, 1999. 

Referências

  1. Cavia intermedia IUCN, acessado em 22 de novembro de 2008
  2. Preá Cavia intermedia é o mamífero mais raro do mundo Planeta Sustentável, acessado em 13 de junho de 2010
  3. Preá catarinense está criticamente ameaçado de extinção Jornal JÁ, acessado em 13 de junho de 2010
  4. SALVADOR, C. H.; FERNANDEZ, F. A. S. Population dynamics and conservation status of the insular cavy Cavia intermedia (Rodentia: Caviidae). Journal of Mammalogy, v. 89, n. 3, p. 721–729, 2008. 
  5. Espécie de preá sobrevive sem variedade genética UOL, acessado em 22 de novembro de 2008
  6. SALVADOR, C. H. Biologia da Conservação na teoria e na prática: o estudo de caso de Cavia intermedia, um dos mamíferos mais raros do planeta. Rio de Janeiro: Universidade Federal do Rio de Janeiro, 2006. 
  7. Preá mais raro do mundo vive em Santa Catarina Diário Catarinense, acessado em 13 de junho de 2010
Ícone de esboço Este artigo sobre sobre roedores, integrado ao WikiProjeto Mamíferos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.