Celebration of the Lizard

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

"Celebration of the Lizard" é uma peça e canção épica escrita por Jim Morrison, vocalista do grupo de rock The Doors. Composta como uma série de poemas, incluía secções musicais, versos falados e narrações alegóricas.

Poemas[editar | editar código-fonte]

  • Lions In The Street
  • Wake Up!
  • A Little Game
  • The Hill Dwellers
  • Not To Touch The Earth
  • Names Of The Kingdom
  • The Palace Of Exile

Descrição[editar | editar código-fonte]

O poema era suposto ser um lado completo de uma gravação de vinil ou álbum, mas os restantes membros da banda consideravam que as extensas secções poéticas e a duração total da peça tornava uma gravação completa impossível. A banda tentou gravar a peça completa várias vezes, mas abandonou a ideia quando ficaram insatisfeitos com os resultados. Ainda assim, uma passagem musical da obra, Not to Touch the Earth, foi colocada no seu terceiro álbum Waiting for the Sun, de 1968, tendo o resto do poema sido publicado em escrito nas notas do mesmo.

"Celebration" foi tocada na sua totalidade em alguns espectáculos. Uma performance de "Celebration" pode ser ouvida no álbum ao vivo de 1970 Absolutely Live. A versão gravada não foi lançada até 2003, na colectânea Legacy: The Absolute Best of The Doors.

Ícone de esboço Este artigo sobre música é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.