Charles Finney

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Charles Grandison Finney
Finney
Nascimento 1792
Warren
Morte 1875
Oberlin
Nacionalidade EUA
Ocupação pastor, professor e teólogo
Magnum opus Religious Revivals

Charles Grandison Finney (Warren, 24 de agosto de 1792 - Oberlin, 16 de agosto de 18751 ) foi um pregador, professor, teólogo, abolicionista e avivalista estado-unidense, um dos líderes do Segundo Grande Despertar (Second Great Awakening).

Introduziu várias inovações no ministério religioso, tais como a censura pública e nominal de pessoas durante o sermão, a permissão da manifestação das mulheres em cultos para ambos os gêneros e outros.2 Era também famoso por realizar seus sermões de improviso.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nascido numa pequena cidade do Connecticut, Finney era o mais jovem dos quinze filhos de um típico casal de fazendeiros. Frequentou a escola até os quinze ou dezesseis anos de idade, quando foi tido como capaz de lecionar nas mesmas instituições e nos mesmos moldes pelos quais fora formado. Sua grande estatura, olhar penetrante, pendor musical e espírito de liderança logo lhe granjearam o reconhecimento da comunidade.3

Mais tarde ingressou como aprendiz num escritório de advocacia, onde pretendia estudar para tornar-se um advogado, em Adams, tendo resignado à profissão após sua conversão, e atendido ao chamado para tornar-se um pregador do Evangelho.4 5

Assim, com a idade de vinte e nove anos, sob orientação do pastor George Washington Gale, formou-se ministro da Igreja Presbiteriana, embora desde o começo já tivesse muitas divergências acerca de doutrinas fundamentais pregadas por aquela denominação.6

Em 1832 mudou-se para a cidade de Nova Iorque, onde pastoreou na Chatham Street Chapel, e mais tarde fundou e pastoreou no Broadway Tabernacle (atualmente chamada de Broadway United Church of Christ7 ).

Ao largo de sua atividade como evangelizador popular, Finney envolveu-se com o movimento abolicionista.1 Já em 1821 negara comunhão a traficantes de escravos em suas igrejas.

Em 1835 mudou-se para Ohio onde atuou como professor de teologia e depois presidente (reitor) do Oberlin College (no período de 1851 – 1866).1

Faleceu em 16 de agosto de 1875. Encontra-se sepultado em Westwood Cemetery, Oberlin, Ohio nos Estados Unidos.8

Maçonaria[editar | editar código-fonte]

Antes de sua conversão Finney era um ativo membro da Maçonaria, tornando-se depois desta um forte oponente da entidade, tendo escrito um extenso livro atacando-a, intitulado "The Character, Claims, and Practical Workings of Freemasonry" ("O Caráter, Pretensões, e Funcionamento Prático da Maçonaria", numa livre tradução)..9

Havia alcançado o terceiro grau como Mestre Maçom, em oito anos.10 Veio depois a afirmar que parte de seu juramento como maçom era imoral e a Maçonaria era perigosa ao governo civil, comprovando isto com o assassinato do anti-maçom William Morgan.10

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c Biografia, em inglês (página acessada em outubro de 2008)
  2. Uma relação de suas inovações pode ser encontrada no trabalho de vários de seus críticos, tais como em Tyler, Bennet, Asahel Nettleton: Life and Labors, ed. Bonar, Andrew (Edinburgh: Banner of Truth Trust, 1996), pp. 342-355; Letters of Rev. Dr. [Lyman] Beecher and the Rev. Mr. Nettleton on the New Measures in Conducting Revivals of Religion with a Review of a Sermon by Novanglus (New York: G & C Carvill, 1828), pp. 83-96; e Hodge, Charles, "Dangerous Innovations," em 'Biblical Repertory and Theological Review,' 5, 3 (July, 1833), pp. 328-333. avaliável online em http://quod.lib.umich.edu/cgi/t/text/text-idx?c=moajrnl&idno=acf4325.1-05.003 (acessado em março de 2008)
  3. Memórias, Nascimento e Educação Básica (em inglês).
  4. Memórias, Conversão a Cristo (em inglês)
  5. Memórias, Começando o Seu Trabalho (em inglês).
  6. Memórias, Sua Educação Doutrinária e Outras Experiências em Adams (em inglês).
  7. Broadway United Church of Christ - sítio oficial, em inglês
  8. Charles Finney (em inglês) no Find a Grave.
  9. Texto completo, em inglês, da obra publicada em 1869
  10. a b The Memoirs of Charles G. Finney, The Complete Restored Text, Garth Rosell e Richard Dupuis, eds, Zondervan Publishing House, Grand Rapids, MI (1989). Pag. 629-32.
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.