Charles Grodin

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Charles Grodin
Grodin em 2007.
Nascimento 21 de abril de 1935 (78 anos)
Pittsburgh, Pensilvânia
 Estados Unidos
Ocupação Ator, apresentador de televisão, comediante e escritor

Charles Grodin (Pittsburgh, 21 de abril de 1935) é um ator, escritor, apresentador de televisão e comediante americano.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nascido em Pittsburgh, no estado da Pensilvânia, Grodin era filho de pais judeus ortodoxos,[1] [2] Lena e Theodore Grodin.[3] Seu avô materno foi um imigrante judeu da Rússia, descendente de uma longa linhagem de rabinos. Tem um irmão mais velho, Jack.

Frequentou a Universidade de Miami, porém não chegou a se formar. Seu primeiro papel como ator foi numa produção da Broadway de 1962, Tchin-Tchin. Sua estreia no cinema se deu num papel pequeno, não-creditado, no filme de 1954 da Disney, 20,000 Leagues Under the Sea (20.000 Léguas Submarinas). Em 1965 começou a trabalhar como assistente do diretor Gene Saks.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Grodin, um aluno de Lee Strasberg e Uta Hagen, começou a aparecer em diversas séries de televisão durante a década de 1960, e interpretou um obstetra no filme de terror Rosemary's Baby (br: O Bebê de Rosemary), de 1968. Durante o fim da década também co-escreveu e dirigiu Hooray! It's a Glorious Day...and All That, e dirigiu Lovers and Other Strangers e Thieves, todas peças da Broadway.

Depois de interpretar um papel coadjuvante/secundário na comédia Catch-22, de 1970, Grodin foi escalado no papel principal do filme The Heartbreak Kid, lançado em 1972, e ganhou reconhecimento como um ator de comédia. O filme foi baseado num conto de Bruce Jay Friedman; ironicamente, pouco tempo antes, Grodin havia sido substituído por Anthony Perkins numa produção off-Broadway da peça Steambath, também de Friedman.[4] Grodin apareceu posteriormente em diversos filmes célebres da década de 1970, incluindo 11 Harrowhouse (1974), e a versão de 1976 de King Kong, além do sucesso de 1978, a comédia Heaven Can Wait. Durante este período frequentemente apareceu em peças na Broadway, e também se envolveu com a produção de diversas peças, incluindo Thieves, que também dirigiu.

Em 1977 apresentou um episódio do Saturday Night Live, programa de sketches cômicos da NBC. Juntamente com outros roteiristas do programa decidiu interpretar o programa como se tivesse faltado aos ensaios, improvisando de maneira desastrada todos os quadros. Do mesmo modo que a controversa aparição de Andy Kaufman em outro programa semelhante, Fridays, quatro anos mais tarde, sua performance acabou sendo levada de maneira muito literal pelo público, e nunca mais convidado para apresentar o programa novamente. Em 1981 conseguiu um papel num filme dos Muppets, The Great Muppet Caper, no qual interpretou Nicky Holiday, um ladrão de joias que se apaixona por Miss Piggy. Seus trabalhos na década de 1980 incluíram Seems Like Old Times, de Neil Simon, onde atuou ao lado de Chevy Chase e Goldie Hawn, e o sucesso de críticas de 1988, Midnight Run, onde contracenou com Robert De Niro. Grodin também apareceu na minissérie da CBS Fresno, de 1986, onde interpretou o filho malvado de uma matriarca interpretada por Carol Burnett.

Sua carreira tomou um rumo diferente em 1992, quando interpretou o nervoso pai de família George Newton na comédia infantil Beethoven, ao lado de Bonnie Hunt. O filme foi um surpreendente sucesso de bilheteria, e ele repetiu o papel em sua sequência, no ano seguinte. Seu trabalho seguinte no cinema foi em 1994, no filme It Runs in the Family (My Summer Story), continuação de A Christmas Story. Após 13 anos longe do cinema, retornou às telas em 2007, na comédia The Ex, de Zach Braff.

Grodin foi comentarista político para o programa 60 Minutes II a partir de 2000, e apresentou seu próprio talk show, The Charles Grodin Show, na CNBC, de 1995 a 1998. Em 2004, escreveu The Right Kind of People, uma peça off-Broadway. Continua como comentarista na estação de rádio WCBS, de Nova York, e outras afiliadas da CBS Radio Network, bem como no programa Weekend Roundup, da CBS Radio Network. Também é autor de diversos best-sellers, como It Would Be So Nice If You Weren't Here, Spilled Milk and Other Clichés e How I Get Through Life. Seu livro If I Only Knew Then...Learning from Our Mistakes, lançado em novembro de 2007 pela Springboard Press, é uma reunião de ensaios sobre seus amigos famosos (além de amigos dos amigos), e toda a sua renda foi doada à fundação de caridade Help USA. Seu último livro, How I Got To Be Whoever It Is I Am, foi lançado em abril de 2009.

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Grodin tem uma filha, Marion, fruto de seu primeiro casamento, com Julie Ferguson. Casou-se posteriormente com Elissa Durwood, em 1985, com quem tem um filho, Nicky, nascido em 1988.

Recentemente trabalhou com um garoto autista chamado Alex Fischetti, de quem tem sido um mentor e que está ajudando a escrever um livro.[5]

Grodin geralmente adota uma atitude falsa de antagonismo durante suas aparições regulares no programa de televisão Late Show, apresentado por David Letterman. Quase sempre com o aspecto irritadiço, lança ataques verbais espirituosos ao apresentador. Também costumava adotar esta postura durante suas aparições no The Tonight Show, programa do antecessor de Letterman, Johnny Carson.[6]

Em 2006 recebeu o Prêmio William Kunstler de justiça racial.[7]

Atualmente vive em Wilton, Connecticut.

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Ano Filme Papel Obs.
1964 Sex and the College Girl
1968 Rosemary's Baby Dr. C.C. Hill
1970 Catch-22 Cap. Aarfy Aardvark
1972 The Heartbreak Kid Lenny Cantrow Indicado — Globo de Ouro de melhor ator em comédia ou musical
1974 11 Harrowhouse Howard R. Chesser
1976 King Kong Fred Wilson
1977 Thieves Martin Cramer
1978 Heaven Can Wait Tony Abbott
1979 Sunburn Jake
Real Life Warren Yeager
1980 Seems Like Old Times Dist. Atty. Ira J. Parks
It's My Turn Homer
1981 The Great Muppet Caper Nicky Holiday
The Incredible Shrinking Woman Vance Kramer
1984 The Woman in Red Buddy
The Lonely Guy Warren Evans
1985 Movers & Shakers Herb Derman
1986 Last Resort George Lollar
1987 Ishtar Jim Harrison
1988 Midnight Run Jonathan Mardukas Festival Internacional de Cinema de Valladolid - melhor ator
You Can't Hurry Love Sr. Glerman
The Couch Trip George Maitlin
1989 Cranium Command Left Brain
1990 Taking Care of Business Spencer Barnes
1992 Beethoven George Newton
1993 Beethoven's 2nd George Newton
Heart and Souls Harrison Winslow Indicado — Saturn Award de melhor ator (coadjuvante/secundário)
So I Married an Axe Murderer Motorista
Dave Murray Blum American Comedy Award de ator (coadjuvante/secundário) mais engraçado em longa-metragem]]
1994 It Runs in the Family Sr. Parker (O Velho)
Clifford Martin Daniels
2006 The Ex Bob Kowalski

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]