Chimichurri

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O chimichurri é um molho tradicional na Argentina e no Uruguai, usado principalmente para fazer churrascos. Pode ser usado tanto para marinar a carne antes de fazer o churrasco, como para molhar a carne enquanto está sendo assada, ou mesmo para temperar depois de pronta.

É uma espécie de vinagrete picante, à base de coentro, alho, cebola, tomilho, orégano, pimenta vermelha moida, pimentão, louro, pimenta preta, mostarda em pó, salsão, vinagre e azeite de oliva. Sobre seus ingredientes, pode haver muitas variações, desde acrescentar ou substituir o coentro por salsinha, acrescentar orégano ou mesmo alfavaca (manjericão), até substituir o vinagre por suco de limão.

Numa receita, começa por se cozer em água alho e salsa picados, depois mistura-se orégão, piri-piri moído, sal e pimenta; finalmente, junta-se azeite e vinagre e, quando frio guarda-se em frascos na geleira. [1] No entanto, noutras receitas, os ingredientes são processados em misturador, mas sem deixar que se transformem numa pasta. Para além do método de preparo, os ingredientes usados também variam com o gosto individual. [2]

Quando se usa para temperar a carne antes de assar (marinada), recomenda-se não deixar a carne mais de duas horas, caso contrário o sabor do molho se sobrepõe ao sabor da carne.

A única explicação plausível para o nome deste molho está ligada ao nome dum irlandês chamado Jimmy McCurry, que se terá oferecido para preparar este molho; como o nome dele era difícil de pronunciar para os argentinos, eles passaram a chamá-lo de “chimichurri”. [3] Outra possibilidade é a versão que dá sua origem na palavra basca tximitxurri, que significa mistura.

Referências