Christophe Moehrlen

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Christophe Moehrlen
Christoph Möhrlen
Retrato de Christophe Moehrlen
Nascimento 20 de Janeiro de 1800
Baiersbronn
Morte 28 de fevereiro de 1871 (71 anos)
Daillens
Nacionalidade Alemanha Alemanha
Ocupação professor de ensino básico, pastor, Romancista

Christoph Moehrlen (Baiersbronn (Württemberg), 20 de janeiro de 1800Daillens (cantão de Vaud), 28 de fevereiro de 1871)[1] [2] ; pseudônimo de Christoph Irenius) foi um professor, pastor/teólogo protestante e escritor, particularmente de livros infantis, radicado na Suíça romanda.

Moehrle era professor no Seminário de Schiers[3] assim como na instituiçãon para pobres Calame em Le Locle.[4] Moehrle também era durante um certo tempo professor e educador numa instituição em Beuggen para meninos gregos resgatados de escravidão turca (fundada em 1827 por iniciativa de Christian Friedrich Spittler) para educá-los de maneira cristã.[5] Depois, ele era pastor em Payerne (cantão de Vaud), onde fundou e direcionou um reformatório para meninos;[6] trabalhou, finalmente, como pastor em Daillens (cantão de Vaud), onde morreu no 28 de Fevereiro de 1871.

Além de algumas obras educativas e de traduções, Moehrlen publicou em 1839 sob o pseudônimo de Christoph Irenius o livro autobiográfico Uma história verdadeira,[7] no qual mascarou sua terra natal Baiersbronn com o nome Baierquell. Moehrle era casado com Röschen Friedenauer e teve oito filhos (entre os quais a esposa do escritor suíço alemão Otto Sutermeister).

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Basler Zeitschrift für Geschichte und Altertumskunde, Volumes 43-45. Sociedade Histórica e Antiquárica da Basileia, Fundação Pro Augusta Raurica, R. Reich, 1944. p. 131
  2. Dados sobre a vida de Moehrlen na página web da Sociedade Genebrina de Genealogia
  3. Heinrich Wilhelm Josias Thiersch. Christian Heinrich Zeller's Leben. Volume 1. Felix Schneider, 1876, p. 308
  4. Basler Zeitschrift für Geschichte und Altertumskunde, volumes 43-45. Sociedade Histórica e Antiquárica da Basileia, Fundação Pro Augusta Raurica, R. Reich, 1944. p. 132.
  5. Heidy Margrit Müller. Dichterische Freiheit und pädagogische Utopie: Studien zur schweizerischen Jugendliteratur. Lang, 1998. p. 33. ISBN 9783906757568
  6. Anzeige einer Knaben-Erziehungsanstalt no segundo volume de sua obra Das Buch der Wahrheitszeugen. Basileia 1846, p. 829
  7. Christoph Irenius: Eine wahrhafte Geschichte. Autobiografia. Basileia, 1839.
Commons
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Christophe Moehrlen
Ícone de esboço Este artigo sobre educação ou sobre um educador é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.