Christopher Cassidy

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Christopher Cassidy

Astronauta da NASA
Nacionalidade Estados Unidos norte-americano
Nascimento 4 de janeiro de 1970 (44 anos)
Salem, EUA
Tempo no espaço 181d 23h 01m
Missões STS-127, Soyuz TMA-08M, Expedição 35, Expedição 36
Insígnia
da missão
Insígnia da STS-127 Soyuz-TMA-08M-Mission-Patch.png ISS Expedition 35 Patch.png ISS Expedition 36 Patch.png

Christopher John Cassidy (Salem, 4 de janeiro de 1970) é um astronauta norte-americano e ex-SEAL da Marinha dos Estados Unidos.

Cassidy é formado em matemática pela Academia Naval dos Estados Unidos e tem mestrado em engenharia oceânica pelo Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), seu estado natal.

Serviu por dez anos como integrante das SEAL, as forças especiais da Marinha, especializando-se em táticas militares que incluíram missões de reconhecimento de longa duração, demolição submarina, patrulhas de reconhecimento em regiões desérticas, pára-quedismo, mergulho militar, assalto à construções habitadas, comandante e navegador de mini-submarinos de exploração, e diversos tipos de operações aéreas. Participou de missões no Afeganistão e no Mar Mediterrâneo, após os atentados de 11 de setembro nos Estados Unidos. No Afeganistão, comandou tropas de assalto rápido em missões táticas de exploração e combate por trás das linhas inimigas.

NASA[editar | editar código-fonte]

Cassidy foi selecionado para o quadro de astronautas da NASA em maio de 2004. Após o curso de dois anos, que inclui instrução intensiva nos sistemas do ônibus espacial e da Estação Espacial Internacional, foi qualificado como especialista de missão e exerceu funções técnicas em terra, ligadas ao Departamento de Astronautas da agência espacial.

Em julho de 2009, foi ao espaço integrando a tripulação da missão STS-127 do ônibus espacial Endeavour, que instalou a última seção do módulo científico japonês Kibo na ISS, numa missão de dezesseis dias de duração.

Foi ao espaço pela segunda vez em 28 de março de 2013, como engenheiro de voo da nave russa Soyuz TMA-08M, para integrar a tripulação das Expedições 35 e 36,[1] retornando em 10 de setembro, após cerca de cinco meses e meio em órbita.[2]

Honrarias[editar | editar código-fonte]

Cristopher Cassidy foi condecorado por duas vezes com a Estrela de Bronze e recebeu a Citação Presidencial de Unidade do governo dos Estados Unidos, por missões realizadas durante a invasão do Afeganistão, em 2003 e 2004, como integrante e líder de unidades das forças SEAL.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Soyuz spacecraft docks at ISS after just six hours BBC. Visitado em 30/03/2013.
  2. Expedition 36 Trio Lands in Kazakhstan NASA. Visitado em 14/09/2013.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]