Chrotopterus auritus

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaChrotopterus auritus
Cauritus.jpg

Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Ordem: Chiroptera
Família: Phyllostomidae
Subfamília: Phyllostominae
Género: Chrotopterus
Espécie: C. auritus
Nome binomial
Chrotopterus auritus
Peters, 1865

Chrotopterus auritus é a única espécie do gênero Chrotopterus e constitui o segundo maior morcego do Brasil e das Américas. Podem atingir uma envergadura em torno de 70-80cm e pesar cerca de 100g. Também é conhecido como falso-vampiro e entre os indígenas por andirá-guaçu [1]

Distribuição geográfica[editar | editar código-fonte]

Possui uma distribuição ampla, ocorrendo desde o sul do México até o norte da Argentina e sul do Brasil e Paraguai.

Ecologia[editar | editar código-fonte]

Os morcegos dessa espécie são monogâmicos (formam um só casal). A dieta desses animais é onívora: se alimentam de répteis, aves, mamíferos (inclusive outros morcegos) e frutas, realizando a dispersão das sementes. [1] . Podem utilizar ocos de árvores e habitações humanas como abrigo, sendo também comumente encontrados abrigando-se em cavernas.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b Medellín, R.A. 1989. Chrotopterus auritus. Mammalian Species.