Cian O'Connor

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Cian O'Connor nasceu no dia 12 de Novembro de 1979 em Dublim e é um cavaleiro de saltos de obstáculos.

Tendo começado a monter muito jovem, no ano de 1997 Cian já dava nas vistas, sendo um dos melhores do seu escalão. Nesse ano, Cian faria a sua estreia enquanto defensor das cores irlandesas num Campeonato da Europa de Juniores. O cavaleiro conseguiu provar a sua qualidade alcançando o quinto lugar com o cavalo Goliath Prinz.

Cian manteve-se desde então entre os melhores cavaleiros europeus e mesmo mundiais. De entre os inúmeros triunfos do irlandês destacam-se as muitas vitórias em provas de "Puissance": Vitória em CSIO Dublin (2002 com Casper); CSIO 5* Roma (2004 com Dacapo); CSIO 5* Dublin (2004 com Ortwin de Laubry); CSIO 5* Dublin (2006 com Casper); CSI 3* Birmigham(2006 com Casper); CSI-W Oslo (2006 com Casper) e CSI 4* Oslo (2007 com Casper).

O cavaleiro representou também muitas vezes a Irlanda em prova das nações, tendo vencido várias vezes. Ainda em representação da Irlanda participou num Campeonato do Mundo, em 6 Cameponatos da Europa, num Campeonato do Mundo de Cavalos Novos e nuns Jogos Olimpicos.

Em 2004, chegou mesmo a pensar-se que Cian estaria no auge da sua carreira. Nos Jogos Olímpicos de Atenas, o cavaleiro conseguiu a medalha de ouro, montando Waterford Crystal. Contudo em Outubro do mesmo ano a Federação Equestre Internacional revelou que haviam sido descoberas subtâncias ilegais no cavalo. O cavaleiro negou e pediu que os testes fossem refeitos. Mas o teste B deu também positivo. O cavaleiro viria por isso a perder a medalha de ouro, sendo mesmo desqualificado de toda a competição e banido de montar durante 3 meses. O brasileiro Rodrigo Pessoa passou assim a ser campeão olímpico. A Irlanda foi também desqualificada da prova por equipas, sendo o seu séptimo lugar ocupado pela Itália.

Hoje em dia, Cian continua a montar ao mais alto nível mundial, estando frequemente no Top 100 mensal da Federação Equuestre Mundial (FEI). Entre os cavalos que hoje monta destacam-se: "Casper", "Rancorrado", "Splendour", "Baloufina" e "Echo Beach".

A nível pessoal a vida de Cian O'Connor não tem sido fácil: Em 2002, a sua mulher morreu num confusão com um cavalo, quando apenas tinha 22 anos.

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Cian O'Connor