Cicindela

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaCicindela
Cicindela campestris

Cicindela campestris
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Arthropoda
Classe: Insecta
Ordem: Coleoptera
Subordem: Adephaga
Família: Carabidae
Subfamília: Cicindelinae
Latreille, 1802
Géneros

Amblycheila
Cicindela
Manticora
Megacephala
Omus
entre outros

Wikispecies
O Wikispecies tem informações sobre: Cicindela
Cicindela chinensis

As cicindelas (família Cicindelidae), também conhecidas como besouro-tigre, constituem um grupo de coleópteros conhecidos pelos seus hábitos predatórios. Em termos taxonómicos, podem ser considerados tanto como família (Cicindelidae) ou como a subfamília Cicindelinae da família Carabidae. Existem cerca de 2 100 espécies conhecidas. Algumas fontes referem o nome cincidela, mas tudo leva a crer que é lapso.

Caracterizam-se por olhos proeminentes e membros finos e longos. São todos predadores, tanto na fase adulta como na fase larvar. O género Cicindela tem uma ampla distribuição por todo o mundo. Alguns géneros têm hábitos diurnos (género Cicindela), outros, hábitos nocturnos (géneros Megacephala, Omus, Amblycheila e Manticora). Alguns têm um revestimento brilhante e colorido (Cicindela e Megacephala), outros, têm o corpo uniformemente preto. O género Manticora, nativo dos desertos da África Meridional tem os espécimes de maior dimensão.

As larvas das cicindelas, de corpo esbranquiçado, cabeça grande, mandíbulas fortes e dorso encurvado, vivem em buracos cilíndricos e profundos onde capturam as presas que se aventuram junta da entrada. Os adultos, que se caracterizam pelos movimentos rápidos (alguns atingem cerca de 8 km/h de velocidade - o que, à escala humana daria algo como 480 km/h), caçam directamente as suas presas. Algumas cicindelas tropicais vivem em árvores, mas a maioria vive junto ao chão, em zonas costeiras, praias lacustres, dunas arenosas, urzais, caminhos junto a áreas arborizadas, etc.

Referências bibliográficas[editar | editar código-fonte]

  • ACORN, John; Tiger Beetles of Alberta: Killers on the Clay, Stalkers on the Sand; University of Alberta Press, 2001.
  • FOREY, Pamela; FITZSIMONS, Cecilia; Insectos: Guia prático para reconhecer facilmente as variedades de insectos mais comuns da Europa; Lisboa, Plátano Editora
  • WERNER, Karl (1991-1995): The Beetles of the World, 13 [1], 15 [2], 18 [3] & 20 [4], Sciences Nat, Venette
Ícone de esboço Este artigo sobre coleópteros, integrado no Projeto Artrópodes é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.