Ciclos de Formação Humana

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Portal A Wikipédia possui o portal:

Os Ciclos de Formação Humana (CFH) compreendem uma maneira de organização de tempos e espaços escolares dos estudantes de forma a se adequar melhor a educação escolar às características biológicas e culturais do desenvolvimento de todos os alunos. É uma reavaliação dos sistemas avaliativos, do acesso e permanência dos estudantes na escola. Nos CFH concebe-se o conhecimento como parte integrante da formação humana.[1] [2]

Organização de tempos e espaços[editar | editar código-fonte]

Na seriação, os estudantes são organizados por anos, normalmente chamados de séries, em que necessitam obter uma média (entre 60% e 70% dos pontos distribuídos no ano) para receber promoção para o ano seguinte. Os Ciclos de Formação Humana não se organizam em anos norteados pelos conteúdos a serem ministrados pois cada ser humano tem seu momento certo para ter seu desenvolvimento em relação a construção de um conhecimento. Não se pode trabalhar o calendário escolar sem levar em conta esta questão, sendo esta muito importante para verificar o desempenho do crescimento do educando, não sendo esse limitado aos doze meses de uma ano de maneira rígida e inflexível.[1]

Currículo e avaliação[editar | editar código-fonte]

No processo do ciclo de formação não se passa o aluno de uma série a outra e sim seu desenvolvimento ocorre por meios de ações que buscam a integração no processo educativo assim o aluno terá a possibilidade de desenvolvimento crescente da complexidade dos conceitos e da apropriação progressiva do método. Os conhecimentos acumulativos vão se seguindo observando-se a assimilação deles pelas crianças e adolescentes, avaliando-se e reavaliando-se constantemente. Esse procedimento é confundido algumas vezes com promoção automática, onde o estudante não precisa ser avaliado, o que é um engano, uma vez que a avaliação é frequente e recorrente.[1] O estudo por projetos é privilegiado nos CFH, especialmente nos anos iniciais, sendo no entanto subordinados a grade curricular nacional que precisa ser respeitada.[2]

Referências

  1. a b c Ciclos de Formação em Educação (em português). disponível em [1]. Página visitada em 04 de outubrode 2009.
  2. a b Jornal da Educação (em português). Jornal da Educação. Página visitada em 04 de outubrode 2009.

Nuvola apps kdmconfig.pngCampos de estudo da Educação
Administração escolar | Arte-educação | Biologia educacional | Distúrbios da aprendizagem | Educação de adultos | Educação inclusiva | Educação popular | Filosofia da educação | Medidas educacionais | Metodologias de ensino | Necessidades educativas especiais | Orientação educacional | Pedagogia | Politicas educacionais | Psicologia da aprendizagem | Psicopedagogia | Sociologia da educação | Supervisão do ensino | Tecnologias educacionais | Psicologia do desenvolvimento | Teorias da aprendizagem
Ensino por tema: Alfabetização | Educação sexual | Educação matemática | Ensino da língua materna
Níveis de ensino: Educação infantil | Ensino fundamental | Educação especial | Ensino médio | Ensino superior
Rankings internacionais: Índice de alfabetização | Programa Internacional de Avaliação de Alunos | Índice de educação

Ícone de esboço Este artigo sobre educação ou sobre um educador é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.