Cinofobia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A cinofobia (do grego antigo: κύων kýōn "cão" e φόβος phóbos "medo") é o medo irracional de cães.[1] É um medo muito comum em sua versão mais branda, quando não chega a ser considerado uma fobia propriamente dita. Pessoas com cinofobia geralmente possuem experências traumáticas com cães no passado, como serem mordidas ou atacadas quando crianças, ponto a partir do qual a fobia começou a se manifestar.

Tratamento[editar | editar código-fonte]

Existe tratamento para cinofobia que pode talvez ter ótimos resultados: O paciente é estimulado a ficar ao lado dos cães, adestrados, para que, brincando com eles, perca seu medo. Se o paciente vir que o cão não faz mal a ele e é capaz de brincar, o mesmo vai gradativamente perdendo o seu medo.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Editores da Publications International. Trinta fobias e suas definições HSW. Página visitada em 4 de junho de 2011.
Ícone de esboço Este artigo sobre fobias é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.