Cisne-pequeno

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaCisne-pequeno
Bewicks.swan.2.arp.750pix.jpg

Estado de conservação
Status iucn3.1 LC pt.svg
Pouco preocupante
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Anseriformes
Família: Anatidae
Subfamília: Anserinae
Género: Cygnus
Espécie: C. columbianus
Nome binomial
Cygnus columbianus
( Ord, 1815)
Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Cisne-pequeno
Wikispecies
O Wikispecies tem informações sobre: Cisne-pequeno

O cisne-pequeno ou cisne-da-tundra (Cygnus columbianus bewickii[1] ) é uma ave anseriforme que nidifica no Ártico, mas que migra longas distâncias a fim de passar o inverno na Europa, China, Japão e Estados Unidos.

As crias acompanham os pais nessa migração com apenas 3 meses de idade. As fêmeas põem os ovos num ninho de musgo e juncos, em solo apaulado, perto de água. Em geral, forram-no com penugem que a fêmea arranca do peito para manter os ovos quentes.

Estudos recentes realizados nas populações invernantes nos Países Baixos mostraram que o cisne-pequeno sofre uma autêntica remodelação interna durante os cinco meses de migração, alongando o intestino de 2,5 metros para 4 metros. Pouco antes da migração para norte, e durante a migração propriamente dita, o intestino volta a reduzir-se a 2,5 metros. Esta adaptação permite ao cisne-pequeno tirar o maior proveito da sua dieta que durante o Inverno é constituída quase exclusivamente por erva. Apesar deste tipo de alteração ser relativamente comum entre aves migratórias, a extensão desta no cisne-pequeno é particularmente notável [2] .

Referências[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Aves, integrado no Projeto Aves é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.