Citologia de impressão da superfície ocular

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A citologia de impressão da superfície ocular é uma técnica de exame e coloração não invasiva da superfície ocular, dos tecidos do epitélio da conjuntiva e da córnea.[1] É um método alternativo à citologia realizada sobre raspagens da superfície ocular e garante amostras de melhorqualidade. É realizada primeiramente com a aplicação de papel filtro sobre a superfície córneo-conjuntival, removendo amostras que contém de uma a três camadas de células epiteliais, e preservando principalmente suas características morfológicas e as relações anatômicas (disposição) das células obtidas.[2]

As amostras pasam por processo de fixação, coloração e exame, em um método modificados adequado à citologia da superfície ocular. Com esta técnica auxilia-se o entendimento e o direcionamento do tratamento das afecções da superfície ocular, pois com tal procedimento e suas características é permitida a análise do grau de metaplasia escamosa, a contagem do número de células caliciformes em casos do chamado "olho seco", hipovitaminose A, deficiência límbica corneal (síndrome de Stevens-Johnson, penfigóide ocular, queimaduras)[3] .

É utilizado como método de análise microbiológica (viral)[4] [5] , na avaliação da superfície ocular de pacientes usuários de lente de contato e patologias associadas (úlcera de córnea)[6] . É utilizada em exames de bebês prematuros[7] e pacientes diabéticos[8] .

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Martinez AJ, Mills MB, Jaceldo KB, Tio FO, Aigbivbalu IB, Hilsenbeck SB, Yee RW. Standardization of conjuntival impression cytology. Cornea 1995;14:512-22.
  2. Dart J. Impression cytology of the ocular surface – research tool or routine clinical investigation? Br J Ophthamol 1997;81:930.
  3. Gomes JAP. Atualização no tratamento das ceratoconjuntivites cicatriciais. Arq Bras Oftal 2000;63:91-6.
  4. Thiel MA, Bossart W, Bernauer W. Improved impression cytology techniques for the immunopathological diagnosis of superficial viral infections. Br J Ophthamol 1997;81:984-8.
  5. Jackson JA, Perrigin JA. Relationship of impression cytology and tear ferning to reports of dry eye. J Am Optom Assoc 1999;70:187-92.
  6. Adar S, Kanpolat A, Sürücü S, Ucakhan OO. Conjunctival impression cytology in patients wearing contact lenses. Cornea 1997;16:289-94.
  7. Hughes AP, Shaw NJ, Southall P, Hero M, Bowden L, Young RH et al. Conjunctival impression cytology in the preterm infant and it´s relation to outcome. J Pediatr 1997;156:471-5.
  8. Meller D, Augustin AJ, Koch FH. A modified technique of impression cytology to study the fine structure of corneal epithelium. Ophthalmic Res 1996;28:71-9.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Medicina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.