Classe Almirante Brown

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Classe Almirante Brown
Os contratorpedeiros Heroína e Sarandí.
Origem    Bandeira do país de origem
Nome: Classe Almirante Brown
Construtor(es): Blohm + Voss
Unidade inicial: Almirante Brown
Unidade final Sarandí
Em serviço: 1983 - presente
Operadores: Armada Argentina
Construídos: 4
Ativos: 4
Características gerais
Tipo: Contratorpedeiro
Deslocamento: 3 360 t (7 410 000 lb)
Comprimento: 126 m (413 ft)
Boca: 14 m (45,9 ft)
Calado 5,8 m (19,0 ft)
Propulsão: 4 x turbinas a gás combinadas
36 000 hp (26 800 kW)
Velocidade: 30,5 kn (56,5 km/h)
Autonomia: 4 500 m.n. (8 330 km)
Armamento: 8 x lançadores Exocet
24 x mísseis Aspide terra-ar
1 x arma de proposito duplo de 1,5 in (38,1 mm)
8 x armas anti-aéreas
6 x tubos lançadores de torpedos
Aeronaves: 1 helicóptero
Tripulação/Equipagem: 224

A Classe Almirante Brown (tipo MEKO 360H2) é uma classe de navios de guerra do tipo contratorpedeiros construidos para a Marinha de Guerra da Argentina e comissionados para esta mesma entre 1983 e 1984, estando no serviço ativo desde então.

Em 2005, a embarcação ARA Sarandí se tornou o navio almirante da Frota argentina.[1]

Navios na classe[editar | editar código-fonte]

Número de amura Nome Estaleiro Batimento de quilha Lançamento Situação
D-10 Almirante Brown Blohm + Voss 8 de setembro de 1980 28 de março de 1981 Todos em atividade
D-11 La Argentina - 25 de setembro de 1981
D-12 Heroína - 17 de fevereiro de 1982
D-13 Sarandí 9 de março de 1982 31 de agosto de 1982

Referências

  1. Guia de los buques de la Armada Argentina 2005-2006. Ignacio Amendolara Bourdette, ISBN 987-43-9400-5, Editor n/a.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Classe Almirante Brown