Classe Sims

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Classe Sims
USS Sims (DD-409), navio líder da classe
Carreira   Bandeira da marinha que serviu
Estaleiro Bath Iron Works
Federal Shipbuilding
Newport News Shipbuilding
Boston Navy Yard
Norfolk Naval Shipyard
Charleston Navy Yard
Philadelphia Naval Shipyard
Período de serviço 1939–1946
Estado desativados (5 afundados, 7 descomissionados)
Características gerais
Deslocamento 1 570 t (padrão)[1]
2 465 t (plena carga)
Propulsão 2 turbinas Westinghouse (50 000 hp)
Velocidade 37,7 nós
Armamento 4 × canhões de 5"/38
2 × Bofors 40 mm
8 × tubos para torpedos Mark 15
Sensores Mk 37 (Gun fire-control system)[2]
Tripulação 10 oficiais, 186 tripulantes [1]

Classe Sims foi uma classe de navio de guerra do tipo contratorpedeiro que serviram a Marinha dos Estados Unidos durante a Segunda Guerra Mundial.[1]

Esta classe de navios tinha como principal característica um convés adaptado para receber tubos para lançamentos de torpedos além de acomodar canhões pesados para o combate de superfície. Esta configuração deixou o navio com sobre peso comprometendo também a estabilidade e manobras.[3]

Navios da Classe[editar | editar código-fonte]

[4]

Navio Comissionado Descomissionado Situação
Sims (DD-409) 1 de agosto de 1939 Afundado por aviões japoneses na Batalha do Mar de Coral em 7 de maio de 1942. (14 sobreviventes).
Hughes (DD-410) 21 de setembro de 1939 28 de agosto de 1946 Danificado na Operação Crossroads que foi uma série de dois testes nucleares, um atmosférico e outro aquatico, realizados pelos Estados Unidos em julho de 1946. Afundado como alvo em 16 de outubro de 1948.
Anderson (DD-411) 19 de maio de 1939 28 de agosto de 1946 Afundado durante na Operação Crossroads durante o teste Able em 1 de julho de 1946.
Hammann (DD-412) 11 de agosto de 1939 Afundado pelo submarino japonês I-168 durante a Batalha de Midway. (80 mortes).
Mustin (DD-413) 15 de setembro de 1939 29 de agosto de 1946 Danificado na Operação Crossroads no Atol de Bikini em julho de 1946. Afundado como alvo em Kwajalein em 18 de abril de 1948.
Russell (DD-414) 3 de novembro de 1939 15 de novembro de 1945 Vendido para desmonte em setembro de 1947.[1]
O'Brien (DD-415) 2 de março de 1940 Torpedeado pelo submarino japonês I-19, no mesmo ataque que afundou o porta-aviões USS Wasp (CV-7) e danificou o USS North Carolina (BB-55), em 15 de setembro de 1942. Afundou em 19 de outubro de 1942 ao largo de Suva quando se dirigia para a base de Pearl Harbor para reparos.
Walke (DD-416) 27 de abril de 1940 Afundado na Batalha de Guadalcanal em 15 de novembro de 1942. (88 mortes).
Morris (DD-417) 5 de março de 1940 9 de novembro de 1945 Vendido para desmonte em 2 de agosto de 1947.[1]
Roe (DD-418) 5 de janeiro de 1940 30 de outubro de 1945 Vendido para desmonte em agosto de 1947.[1]
Wainwright (DD-419) 15 de abril de 1940 29 de agosto de 1946 Danificado na Operação Crossroads no Atol de Bikini em julho de 1946. Afundado como alvo no Pacífico em 5 de julho de 1948.
Buck (DD-420) 15 de maio 1940 Afundado pelo submarino alemão da Kriegsmarine U-616 em Salerno, Italia em 9 de outubro de 1943. (150 mortes)

Referências

  1. a b c d e f The 1,570-ton Sims class (em inglês) Destroyer History Foundation. Visitado em 25 de junho de 2012.
  2. Mk 37 (United States), Command, surveillance and weapon control systems (em inglês) Jane's Naval Weapon Systems (16 de dezembro de 2011). Visitado em 25 de junho de 2012.
  3. Steve Baker. USS Russel (em inglês). Visitado em 25 de junho de 2012.
  4. Nick Kolyadko. Sims class (em inglês) Midway, 1942: Visual Research multimedia project, ships and aircraft illustrations. Visitado em 25 de junho de 2012.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Classe Sims


Ícone de esboço Este artigo sobre tópicos navais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.