Cleiton & Camargo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Cleiton e Camargo
Informação geral
Origem Goiânia,  Goiás
País  Brasil
Gênero(s) Sertanejo
Período em atividade 1996-presente
Página oficial cleitonecamargo.com.br
Integrantes
Cleiton
(Luciano dos Santos)
Camargo
(Werley José de Camargo)

Cleiton e Camargo é uma dupla sertaneja brasileira formada por Luciano dos Santos (cujo nome artístico é Cleiton) e Werley José de Camargo (mais conhecido como Camargo), sendo este último irmão da dupla Zezé Di Camargo e Luciano.

Carreira[editar | editar código-fonte]

A primeira discografia da dupla foi no ano de 1996. Em 1998, tiveram participação no disco-tributo em homenagem a Leandro (da dupla Leandro e Leonardo), onde interpretaram "Doce Mistério".[1]

De lá para cá, foram seis CDs que ganharam projeção nacional com suas canções e principalmente com as versões que são até hoje as canções mais conhecidas da dupla: "Na Hora De Amar" (versão de "Spending My Time" de Roxette), "Se É Amor Não Sei" (versão de "Take My Breath Away", uma canção da banda Berlin e tema do filme Top Gun), "Quando Um Grande Amor Se Faz" (versão de "Cantare è d'amore" do cantor italiano Amedeo Minghi) e "O Meu Anjo Azul" (versão de "Still Loving You" dos Scorpions). Outras canções conhecidas são "Agenda Rabiscada", "Não Posso Ouvir esta Música", “Você Vai Sentir Saudade”, "Se Eu Quiser Um Grande Amor" e muitos outros.[1]

A dupla estava com 12 anos de carreira e 7 álbuns lançados.[1] quando em setembro de 2005, Cleiton decide deixar a dupla para se candidatar a prefeito e se filiar ao PMDB. Assim a dupla chegou ao fim.[2]

O irmão de Zezé Di Camargo e Luciano, Werley seguiu na carreira de cantor com outro amigo, formando assim a dupla Marcelinho de Lima e Camargo. E Cleiton não obtendo sucesso como político, chegou a formar outra dupla com um amigo tendo certo prestígio na região centro-oeste do país e depois de um tempo foi convidado por Zezé e Luciano a fazer vocal de apoio para a dupla em abril de 2009 até agosto de 2013 para o retorno com Camargo.

Conforme anunciado em julho de 2013, foi confirmada a volta da dupla em outubro do mesmo ano, com a música de trabalho "Onde Está".[3] [4] [5]

Discografia[6] [editar | editar código-fonte]

  • (1996) Cleiton e Camargo
  • (1997) Pense Com o Coração
  • (1998) Cleiton e Camargo
  • (2000) Cleiton e Camargo
  • (2001) Para Sempre
  • (2002) Cleiton e Camargo

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre música é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Notas e Referências

  1. a b c Biografia de Cleiton e Camargo. R7. Letras. Página visitada em 17 de dezembro de 2013.
  2. Kriss, Elba (6 de novembro de 2005). Cleiton confirma deixar Camargo pela política. Terra. Ofuxico. Página visitada em 17 de dezembro de 2013.
  3. Cleiton e Camargo lançam primeiro single após retorno. portalsucesso.com.br. Página visitada em 17 de dezembro de 2013.
  4. Cleiton e Camargo anunciam volta da dupla. sertanejonatela.com.br. Página visitada em 17 de dezembro de 2013.
  5. De volta após oito anos, Cleiton e Camargo criticam letras que ridicularizam as mulheres. extra.globo.com. Página visitada em 17 de dezembro de 2013.
  6. Discografia completa de Cleiton e Camargo. www.brasilmusik.de. Página visitada em 17 de dezembro de 2013.