Clouds and the Earth's Radiant Energy System

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

[[Imagem:Ceres-raps-scan.jpg|thumb||200px|Representação artística dos instrumentos do CERES escaneando a Terra

Clouds and the Earth's Radiant Energy System (CERES) é um instrumento em órbita da Terra desde 1997, feito pela NASA.[1] O CERES é parte do Sistema de Observação da Terra (EOS) criado com o objetivo de medir tanto a reflexão solar quando a emissão de radiação da Terra no topo da Atmosfera para a superfície terrestre. As propriedades das nuvens são determinadas usando simultaneamente medidas de outros intrumentos EOS, tais como o Moderate Resolution Imaging Spectroradiometer (MODIS).[2] Resultados do CERES e missões anteriores da Nasa, como o Earth Radiation Budget Experiment (ERBE),[3] levarão a um melhor entendimento do papel das nuvens e do ciclo de energia na mudança climática global[4] .

Objetivos científicos[editar | editar código-fonte]

CERES tem quatro objetivos principais

  • Continuação da coleta de dados do ERBE sobre fluxos radioativos no "topo da atmosfera" (TOA) para análises sobre a mudança climática.
  • Dobrar a exatidão das estimativas sobre os fluxos radioativos no TOA e na superfície da Terra.
  • Prover a primeira estimativa global de longo prazo sobre os fluxos radioativos da Terra.
  • Fornecer estimativas sobre as propriedades das nuvens que são consistentes com os fluxos radioativos na superfície da TOA.

Instrumentos do CERES[editar | editar código-fonte]

CERES antes de ser instalado no satélite TRMM

O primeiro instrumento CERES foi lançado a bordo do Tropical Rainfall Measuring Mission (TRMM) em novembro de 1997 do Japão. Outros quatro instrumentos CERES foram lançados no satélite EOS Terra em dezembro de 1999 e no satélite EOS Aqua em maio de 2002. Atualmente operam todos os instrumentos CERES no Terra e no Aqua. Cada instrumentro é um radiômetro que tem três canais - um canal de onda curta para medir luz solar refletida numa região de 0,3 - 5 µm, um canal para medir a radiação térmica emitida pela terra numa região determinada de 8-12 µm, e outro canal para medir todo o espectro da radiação que sai da Terra.

A resolução regional do CERES na visão nadir (equivalente ao diâmetro de uma pegada) é 10 km para o CERES do TRMM, e 20 km para o CERES no Terra e no Aqua.

Referências

  1. B.A. Wielicki, et al. (1996). "Mission to Planet Earth: Role of Clouds and Radiation in Climate". Bull. Amer. Meteorol. Soc. 77: 853-868.
  2. P. Minnis; et al (setembro 2003). "CERES Cloud Property Retrievals from Imager on TRMM, Terra and Aqua" in Conference on Remote Sensing of Clouds and the Atmosphere VII. Proceedings of SPIE 10th International Symposium on Remote Sensing: 37-48. 
  3. B.R. Barkstrom. (1984). "The Earth Radiation Budget Experiment". Bull. Amer. Meteorol. Soc. 65: 1170-1186.
  4. B.A. Wielicki, et al. (1995). "Mission to Planet Earth: Role of Clouds and Radiation in Climate". Bull. Amer. Meteorol. Soc. 76: 2125-2152.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Clouds and the Earth's Radiant Energy System
Ícone de esboço Este artigo sobre exploração espacial é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.