Club Bamin Real Potosí

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Real Potosí
Nome Club Bamin Real Potosí
Alcunhas León Imperial, El Equipo Lila,
El Fenómeno
Fundação 1 de abril de 1986 (28 anos)
Estádio Víctor Ugarte
Capacidade 32.000
Localização Potosí,  Bolívia
Presidente Bolívia Eduardo Salamanca
Treinador Bolívia Marco Antonio Sandy
Patrocinador Potosina Pilsener, Entel
Material esportivo Unosport
Competição Liga de Fútbol
Profesional Boliviano
Divisão 2011 LFPB (Adecuación), 2º lugar
Website Blog oficial
Kit left arm.png Kit body.png Kit right arm.png
Kit shorts.png
Kit socks fio1011a.png
Uniforme
titular
Kit left arm.png Kit body.png Kit right arm.png
Kit shorts.png
Kit socks whitehorizontal.png
Uniforme
alternativo
editar

O Club Bamin Real Potosí (conhecido apenas por Real Potosí) é um clube de futebol da Bolívia, sediado na cidade de Potosí.

História[editar | editar código-fonte]

O Real Potosí foi fundado em 1º de abril de 1986, como Academia de Fútbol Real Potosí. Posteriormente, fundiu-se ao antigo clube do Banco Minero (BAMIN) da Bolívia, que foi fundado em 20 de outubro de 1941, e tomou o nome BAMIN Real Potosi.

Desde 1998, disputa a Primeira Divisão de Futebol Profissional da Bolívia. Em 2007, sagrou-se campeão do torneio Apertura. No ano seguinte, conquistou a Copa Aerosur del Sur e o Torneo "Play Off".

O Real Potosí ganhou popularidade ao ser anunciado como um dos adversários do Flamengo e do Paraná Clube na Taça Libertadores da América de 2007, por forçar os times a jogarem na cidade de Potosí, a 4.000 metros acima do nível do mar.

No ano seguinte o Cruzeiro e o Boca Juniors jogaram contra o Real Potosí na Copa Libertadores, e na edição de 2009 da Libertadores, o Palmeiras eliminou a equipe boliviana ainda na primeira fase, com duas vitórias.

Estádio[editar | editar código-fonte]

O Estádio Víctor Agustín Ugarte, também conhecido como Estádio Mario Mercado Vaca Guzmán, é um estádio de futebol boliviano localizado em Potosí. Tem capacidade para 35.000 espectadores e é a casa do Real Potosí.

Localizado a 3.960 metros do nível do mar, em altitude, é o estádio mais alto do mundo. Tem suscitado inúmeras polêmicas no universo do futebol, posto que, tal condição geográfica, prejudica a absorsão de oxigênio no corpo de futebolistas que não estajam devidamente climatizados ao ar rarefeito, gerando assim, considerável vantagem aos atletas que habitam o local.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Nacionais[editar | editar código-fonte]

Elenco[editar | editar código-fonte]

Goleiros
Jogador
1 Paraguai Henry Lapczyk
12 Bolívia Yadín Salazar
Defensores
Jogador Pos.
5 Bolívia Claudio Centurión Z
7 Bolívia Alberto Alarcón Z
10 Bolívia Daner Pachi Z
15 Bolívia Ariel Juárez Z
TBA Bolívia Luis Torrico Z
Meio-campistas
Jogador Pos.
6 Bolívia Mario Ovando M
7 Bolívia José Michelena M
13 Bolívia Ronny Jiménez M
16 Bolívia Rosauro Rivero M
19 Bolívia Nicolás Tudor M
24 Bolívia Eduardo Ortiz M
TBA Bolívia Roly Sejas M
Atacantes
Jogador
8 Bolívia Dino Huallpa
10 Argentina Edgardo Brittes
11 Bolívia Gerardo Yecerotte
17 Argentina Sebastián Pol
18 Bolívia Victor Angola
24 Bolívia Pastor Torrez
Comissão técnica
Nome Pos.
Argentina/Bolívia Victor Zwenger T

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Bandeira de BolíviaSoccer icon Este artigo sobre clubes de futebol bolivianos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.