Coifa (astronáutica)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou secção está a ser traduzido (desde março de 2013). Ajude e colabore com a tradução.
Coifa de um foguete Delta IV.

Coifa — em astronáutica, se refere a um tipo específico de carenagem localizada no extremo superior do foguete, destinada a proteger a carga útil, e também prover uma superfície aerodinâmica adequada aos esforços aos quais um foguete e sua carga útil são submetidos durante o voo.

Características[editar | editar código-fonte]

Apesar de não haver um padrão rígido na construção das coifas, existem algumas características normalmente encontradas nelas:[1]

  • Fabricada com meterias leves como: alumínio ou materiais compostos.
  • Adotam o formato cilíndrico / cônico.
  • Composta por duas (ou mais) partes longitudinalmente simétricas.

As partes de uma coifa se separam expondo a carga útil quando o foguete ultrapassa os limites da atmosfera, no caso de um foguete lançador, ou quando atinge o seu apogeu, no caso de um foguete de sondagem.

Em alguns casos, a coifa pode envolver não apenas a carga útil, como também todo ou parte do último estágio do foguete.[2]

Referências

  1. Sarafin, Thomas P.. Spacecraft Structures and Mechanisms: from Concept to Launch (em inglês). [S.l.]: Wiley J., 1995. ISBN 0792334760.
  2. Kumpel, A.. A Conceptual Design for the Space Launch capability of the peacekeeper ICBM (em inglês). Georgia Institute of Technology. ed. Atlanta: American Institute of Aeronautics and Astronautics, 2002.
Ícone de esboço Este artigo sobre foguetes é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.