Coisa de Acender

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Coisa de acender)
Ir para: navegação, pesquisa
Coisa De Acender
Álbum de estúdio de Djavan
Lançamento 19 de agosto de 1992
Gênero(s) MPB
Duração 41:28
Formato(s) LP/CD
Gravadora(s) Sony
Opiniões da crítica

O parâmetro das opiniões da crítica não é mais utilizado. Por favor, mova todas as avaliações para uma secção própria no artigo. Veja como corrigir opiniões da crítica na caixa de informação.

Cronologia de Djavan
Último
Último
Oceano
(1989)
Novena
(1994)
Próximo
Próximo

Coisa de Acender é um álbum do cantor e compositor brasileiro Djavan lançado pela Sony Music em 1992.

Elogiado por críticos e músicos, o álbum caracteriza por ser mais pop do que os anteriores; entre os sucessos estão as suas primeiras quatro faixas: "Se..." (um de seus maiores sucessos, que o marcou pela década de 1990, com uma característica romântica, e foi muito tocada nas rádios do Brasil), "Boa Noite", "A Rota de Índividuo" (que até se criou o subtítulo de "Ferrugem" depois; a parceria com Orlando Morais, embalou um estilo que Djavan já vinha lá de trás mostrando em sua carreira) e "Linha do Equador" (gravada por Caetano Veloso futuramente).

Faixas[editar | editar código-fonte]

  1. A Rota do Indíviduo (Djavan/Orlando Morais)
  2. Boa Noite (Djavan)
  3. Se... (Djavan)
  4. Linha do Equador (Djavan/Caetano Veloso)
  5. Violeiros (Djavan)
  6. Andaluz (Djavan/Flávia Virgínia)
  7. Outono (Djavan)
  8. Alívio (Djavan/Arthur Maia)
  9. Baile (Djavan)


Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Djavan é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.