Colégio Sion

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Um dos prédios do colégio.

O Colégio Nossa Senhora de Sion é um tradicional estabelecimento de ensino localizado na avenida Higienópolis, no bairro homônimo, na cidade de São Paulo, Brasil. O Colégio faz parte de uma Congregação, que une Colégios Sion de outras cidades do Brasil, França, Israel, Inglaterra e Austrália.

Congregação[editar | editar código-fonte]

A Congregação de Nossa Senhora de Sion foi fundada em 1842 pelos padres Théodore Ratisbonne e Alphonse Ratisbonne, que eram judeus franceses de Estrasburgo convertidos ao cristianismo[1] - o primeiro em 1827, e o segundo em 1842.[2] É por essa razão que a congregação tem por finalidade, através de atos e orações, a conversão do judeus à religião cristã. As irmãs francesas da congregação de Sion chegaram ao Brasil em 1889 e aqui se instalaram em várias cidades, onde criaram escolas para moças.

Edificação[editar | editar código-fonte]

O prédio onde a escola está instalada foi projetado pelo engenheiro-arquiteto Francisco de Paula Ramos de Azevedo.

A capela do colégio mantém o estilo das Capelas de Nossa Senhora de Sion de outros países. O prédio é todo revestido de tijolo à vista. Suas paredes medem cerca de um metro de espessura. A escada do hall central mostra a imponência da construção. O pé direito de cinco metros de altura, garante uma iluminação direta das salas. Em 1940, foi construída a ala que completa o prédio atual. O terreno é densamente arborizado.

Colégio[editar | editar código-fonte]

O Colégio Nossa Senhora de Sion, em São Paulo, foi fundado em 1901. Oferecia educação rígida e esmerada, voltada para a elite paulistana. Aceitava também alunas internas que não podiam pagar as mensalidades e ajudavam nas tarefas domésticas da escola. A educação incluía ensino religioso, dentro da religião católica.

Hoje, o colégio tem ensino infantil, ensino fundamental e ensino médio.

A Congregação Nossa Senhora de Sion possui outras unidades espalhadas em importantes cidades do Brasil, tais como Curitiba, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Campanha, Arujá, além de outra unidade na própria cidade de São Paulo, instalada na Av. Mère Amedéa, no bairro de Vila Maria, conhecida como Escola São Teodoro de Nossa Senhora de Sion.

Muitos alunos passaram pelo colégio. A líder estudantil Marta Teresa Smith Vasconcelos, hoje conhecida como Marta Suplicy, foi quem fundou o grêmio do colégio e foi sua presidente.

Em 10 de fevereiro de 1980 estiveram reunidos no Colégio Sion lideranças de movimentos sindicais, religiosos e intelectuais que assinaram a ata de fundação do Partido dos Trabalhadores, o PT.

Mais recentemente, foram feitos filmes ambientados no colégio, tais como Eu e meu guarda-chuva, com Paola Oliveira, e comerciais das empresas Renner e Baudduco, em 2011.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]