Coleocephalocereus

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaColeocephalocereus
Coleocephalocereus aureus

Coleocephalocereus aureus
Classificação científica
Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Magnoliopsida
Ordem: Caryophyllales
Família: Cactaceae
Subfamília: Cactoideae
Tribo: Cereeae
Género: Coleocephalocereus
Espécies
9, Ver texto

Coleocephalocereus é um gênero botânico da família Cactaceae'. São cactos colunares erectos e semi-erectos nativos do Brasil. Desenvolvem um cefálio lanoso e com cerdas.

O género foi descrito por Curt Backeberg e publicado em Blätter für Kakteenforschung 1938(6): [22]. 1938.[1] . A espécie-tipo é Coleocephalocereus fluminensis

Trata-se de um género reconhecido pelo sistema de classificação filogenética Angiosperm Phylogeny Website.[2]

Etimologia[editar | editar código-fonte]

Coleocephalocereus: nome genérico que vem do grego: κολεός (Koleos) = "gineceu" e κεφαλή (kephale) que significa "cabeça", referindo-se à forma dos cefálios.

Espécies[editar | editar código-fonte]

O género tem 23 espécies descritas das quais 9 são aceites:[3]

Sinonímia[editar | editar código-fonte]

Buiningia Buxb.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Coleocephalocereus Tropicos.org. Missouri Botanical Garden. Visitado em 15 de Maio de 2013.
  2. Stevens, P. F. (2001 e adiante) Angiosperm Phylogeny Website Versão 8, Junho de 2007 e actualizado desde então. http://www.mobot.org/MOBOT/research/APweb/ Data de acesso: 3 de Novembro de 2013
  3. The Plant List
Ícone de esboço Este artigo sobre cactos, integrado no Projeto Plantas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.