Comadre Fulozinha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Comadre Fulozinha é uma personagem mitológica da zona da mata de Pernambuco e da Paraíba, no nordeste brasileiro.

Sua origem é provavelmente no período colonial.

Segunda a lenda, uma menina se perdeu na mata e faleceu desnutrida, seu espírito ficou perdido na mata e com o tempo ela passou a aterrorizar aldeias e fazendas. Possui longos cabelos negros que a noite pegam fogo, chicoteia aqueles que não trazem suas oferendas preferidas: fumos, mel e mingau.[1] Em algumas regiões do Brasil também é conhecida como uma fada que protege a floresta. [2] Até hoje são comuns relatos de pessoas que presenciam suas aparições nas zonas de floresta.[3]

No culto da Jurema na Paraíba ela é considerada uma entidade divina e tem caráter ambíguo, agindo para o mal e para o bem.[4]

Referências


Ícone de esboço Este artigo sobre Mitologia (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.