Conférence des grandes écoles

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A Conférence des grandes écoles (CGE) é uma associação francesa de instituições do ensino superior e de pesquisa criada em 1973 por doze universidades francesas (onze écoles d'ingénieurs e uma escola de negócios). Seu papel é de promover o desenvolvimento e a influência de seus membros, na França e no exterior, com o objetivo de melhorar a reputação, em conexão com os atores da economia e da sociedade.[1]

A CGE não é proprietária do termo "grande école", mas ela possui como marca registrada o "Mastère Spécialisé" (MS)[2] , "Mastère en sciences" (MSc)[3] e o "BADGE"[4] (Bilan d'aptitude délivré par les grandes écoles),[nota 1] cujo credenciamento é garantido por uma comissão específica composta de vinte seis personalidades voluntárias, diretores de universidades e experts de diversos setores do mundo econômico.


Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou secção está a ser traduzido de fr:Conférence des grandes écoles. Ajude e colabore com a tradução.

Notas[editar | editar código-fonte]

  1. "Avaliação de competência emitida pelas grandes écoles"

Referências

  1. (em francês) Site oficial
  2. (em francês) Conférence des grandes écoles. MS. Visitado em 3 de setembro de 2013.
  3. (em francês) Conférence des grandes écoles. MSc. Visitado em 3 de setembro de 2013.
  4. (em francês) Conférence des grandes écoles. BADGE. Visitado em 3 de setembro de 2013.