Conjunto Monumental de Mahabalipuram

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pix.gif Conjunto Monumental de Mahabalipuram *
Welterbe.svg
Património Mundial da UNESCO

Mamallapuram.jpg
Templo Costeiro de Mahabalipuram
País Índia
Critérios (i)(ii)(iii)(vi)UNIQb14de6ac53728341-nowiki-00000001-QINU1UNIQb14de6ac53728341-nowiki-00000002-QINU
Referência 249
Coordenadas 12° 37′ N 80° 11′ E(Tamil Nadu, Índia)[1]
Histórico de inscrição
Inscrição 1984[1]   (? sessão)
* Nome como inscrito na lista do Património Mundial.

O Conjunto Monumental de Mahabalipuram é um grupo de santuários, fundado pelos reis Pallava, que foi esculpido na rocha ao longo da Costa de Coromandel nos séculos VII e VIII.[1]

Pormenor de "Descida do Ganges"

A área é conhecida pelas suas rathas (templos em forma de biga), mandapas (sanctuários em cavernas), pelos seus gigantescos relevos ao ar-livre, como é o caso de "Descida do Ganges", e o templo de Rivage, com milhares de escultura à glória de Shiva.[1]

O Conjunto Monumental de Mahabalipuram inclui o Complexo Principal de Mahabalipuram, o Templo de Mukunda Nayanar, o ratha de Pitari e o ratha de Valian Kuttai.[2]

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]

Referências