Consoante vibrante

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Modos de articulação
Obstruente
Oclusiva
Africada
Fricativa
Sibilante
Soante
Nasal
Vibrante
Simples
Múltipla
Aproximante
Líquida
Vogal
Semivogal
Lateral
Fluxo de ar
Ejetiva
Implosiva
Clique
Esta página contém informações sobre fonética usando AFI, e podem ser exibidos incorretamente em alguns navegadores. Saiba mais

A consoante vibrante é a consoante que é produzida através de uma ou mais vibrações de um dos órgãos articuladores do sistema vocal humano contra outro. Em português, por exemplo, pode ser simples, produzido pela língua contra o alvéolo (como o r em "caro" ou em "par"), e em alguns dialetos pode ser múltipla, articulado no alvéolo ou na úvula (como em "carro" ou em "par").

O termo vibrante tem sido usado por muitos linguistas para se referir à vibrante múltipla, chamando à simples de tepe ou flepe (do inglês tap, flap), ou mesmo de vibrante simples.[1] [2]

Referências

  1. Isabel de Oliveira; Silva Monguilhott. A Variação na Vibrante Florianopolitana: Um Estudo Sócio-Geolinguístico (pdf) 12 pp. Universidade Federal de Santa Catarina.
  2. Leda Bisol. Introdução a estudos de fonologia do português brasileiro. 4ª ed. Porto Alegre - Rio Grande do Sul: EDIPUCRS, 2005. 211 pp. ISBN 85-7430-529-4
Ícone de esboço Este artigo sobre linguística ou um linguista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.