Constança da Sicília

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Constança de Altavila
Constança da Sicília, pormenor de figura no "Liber ad honorem Augusti" de Petrus of Ebulo, 1196
Rainha da Sicília
Reinado 1194 - 27 de novembro de 1198
Predecessor Guilherme III da Sicília
Sucessor Frederico II, imperador do Sacro Império Romano-Germânico
Rainha da Germânia
Reinado 27 de janeiro de 1186 - 28 de setembro de 1197
Predecessor Beatriz I da Borgonha
Sucessor Irene Angelina
Imperatriz do Sacro Império Romano-Germânico
Reinado 15 de abril de 1191 - 28 de setembro de 1197
Predecessor Beatriz I da Borgonha
Sucessor Beatriz da Suabia
Cônjuge Henrique VI, imperador do Sacro Império Romano-Germânico
Descendência
Frederico II, imperador do Sacro Império Romano-Germânico
Nome completo
Constança de Altavilla
Dinastia Altavila
Pai Rogério II da Sicília
Mãe Beatriz de Rethel
Nascimento 02 de novembro de 1154
Morte 27 de novembro de 1198 (44 anos)
Enterro Catedral de Palermo, Sicília, Itália

Constança da Sicília, conhecida também como Constança de Altavilla, (2 de novembro de 1154 - 27 de novembro de 1198), era filha póstuma de Rogério II da Sicília. Rainha da Sicília e Imperatriz (como mulher de Henrique VI da Germânia) do Sacro Império Romano-Germânico. Foi mãe de Frederico II da Germânia.

Com sua morte terminou na Sicília a dinastia dos Altavila e iniciou-se a dos Hohenstaufen de seu marido Henrique VI.

Constança foi sepultada na Catedral de Palermo. Dante Alighieri a homenageou na Divina Comédia, Paraíso, canto 3, versos 109 a 120.

Ancestrais[editar | editar código-fonte]


Ver também[editar | editar código-fonte]

Precedida por:
Guilherme III
Rainha da Sicília
1194 - 1198
com Henrique I: 1194-1197
com Frederico I: 1197-1198
Sucedida por:
Frederico I
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.