Constança de Castela, duquesa de Lencastre

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Constança de Castela
Duquesa de Lencastre
Cônjuge João de Gante
Descendência
Catarina de Lencastre
Casa real Anscárida (por nascimento)
Lencastre (por casamento)
Pai Pedro I de Castela
Mãe Maria de Padilla
Morte 24 de março de 1394 (40 anos)
Castelo de Lencastre, Leicestershire
Enterro Abadia de Newark, Leicester
Religião Catolicismo romano

Constança de Castela (Castrojeriz, 1354 - Leicestershire, 24 de março de 1394) foi duquesa de Lencastre, de 1371 até à sua morte.

Constança era filha de Maria de Padilla e de Pedro I de Castela.

Descendia, por via paterna, dos reis de Portugal, pois a sua avó paterna, a infanta Maria de Portugal, era filha de Beatriz de Castela e de Afonso IV de Portugal, e o seu avô paterno, Afonso IX de Castela, era filho da infanta Constança de Portugal e de Fernando IV de Castela.

Após a morte do seu irmão, o príncipe herdeiro Afonso, em 1362, tendo ele apenas 3 anos, Constança foi jurada, em Cortes, herdeira de seu pai juntamente com as suas irmãs Beatriz, a primogénita, e Isabel, a mais nova.

Com a morte do pai, assassinado em 1369 pelo seu meio-irmão Henrique, este último consolidou-se no trono de Castela.

Em 1371 Constança casou-se com João de Gante, duque de Lencastre, filho de Eduardo III de Inglaterra e de Filipa de Hainaut, e, posteriormente, ela e o seu marido foram pretendentes ao trono de Castela.

Esta questão só foi definitivamente resolvida em 1388, com o Tratado de Baiona.[1]

Do casamento de Constança e de João de Gante, nasceram:

Constança faleceu em 1394, com apenas 40 anos, precocemente, devido à contracção de peste.

Referências

  1. Lopes, Fernão (c. de 1450), Crónica de D. João I, 5.º e 6.º Volumes. Lisboa: Escriptorio, 1897-1898. Caps. CXIX a CXXI.