Convento da Penha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Vista do Convento da Penha.

O Convento da Penha é um dos santuários religiosos mais antigos do Brasil, localizado no município de Vila Velha, estado do Espírito Santo. Está situado no alto de um penhasco, a 154 metros de altitude, sendo uma das igrejas mais antigas do estado, cujas obras avançavam aos poucos e tiveram início por volta de 1558, a mando de frei Pedro Palácios.

História[editar | editar código-fonte]

Busto de Frei Pedro Palácios, fundador do Convento da Penha.

A história do convento começa em 1558, quando chega à atual Prainha frei Pedro Palácios, natural de Medina do Rio Seco, na Espanha. Palácios foi, alguns anos mais tarde, encarregado da construção de uma ermida no alto do morro da Penha, tendo encomendado de Lisboa uma imagem de Nossa Senhora, que daria origem ao culto à Nossa Senhora da Penha. A pequena ermida foi erguida e expandida aos poucos até se transformar no Convento da Penha, hoje o monumento religioso mais importante da arquitetura capixaba.[1]

Especula-se que frei Pedro Palácios morava numa gruta que fica aos pés da ladeira do convento, onde era mantido um quadro de Nossa Senhora da Penha. A composição desapareceu três vezes e em todas as ocasiões fora encontrado no alto do morro onde está construído o convento.[1]

Patrimônio[editar | editar código-fonte]

O Convento da Penha está situado no alto de um penhasco de 154 metros de altitude, sendo tombado como patrimônio histórico cultural pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) em 1943. Grande parte do interior é revestido com madeira em cedro, entalhado pelo escultor português José Fernandes Pereira entre 1874 e 1879. O altar-mor, atualmente composto por mais de 200 peças feitas de 19 tipos diferentes de mármore, foi construído por volta de 1800, originalmente no estilo rococó, passando por restaurações em 1910 e novamente entre janeiro de 2009 e 17 de dezembro de 2011.[2] Do convento é possível se ter uma visão panorâmica de Vila Velha, Vitória e do Oceano Atlântico.[2]

O complexo do convento abrange uma área de 632,226 m², englobando uma série de outros monumentos e atrativos,[2] tais como a Gruta do Frei Pedro Palácios, vão formado pela natureza do monte onde fica o Convento, sendo que alguns historiadores afirmam ser a primeira residência do frei Pedro Palácios.[2] Em 1562, Palácios construiu uma Capela dedicada a São Francisco de Assis, no local hoje denominado largo do convento (Campinho), e no final do século XX surgiram também o Museu e a loja de alimentos e pequenos presentes.[2]

Imagens[editar | editar código-fonte]

Convento da Penha visto da cidade de Vitória.
Convento da Penha visto da cidade de Vitória.
Vista noturna.
Vista noturna.
Vista do Convento da Penha a partir do estacionamento.
Vista do Convento da Penha a partir do estacionamento.
Entrada para o Convento.
Entrada para o Convento.
Lojinha.
Lojinha.
Capela de São Francisco.
Capela de São Francisco.
Caminho de pedras (atalho do acesso para pedestres).
Caminho de pedras (atalho do acesso para pedestres).
Vista parcial de Vila Velha a partir do Convento.
Vista parcial de Vila Velha a partir do Convento.
Outra vista do Convento a partir do estacionamento.
Outra vista do Convento a partir do estacionamento.
Antiga escada.
Antiga escada.
Placa informativa.
Placa informativa.
Vista do Convento.
Vista do Convento.

Referências

  1. a b Maria Clara Medeiros Santos Neves e Luiz Guilherme Santos Neves. Vila Velha - Histórico Vila Capixaba. Visitado em 9 de fevereiro de 2013. Cópia arquivada em 9 de fevereiro de 2013.
  2. a b c d e Franciscanos. Conhecendo o convento. Visitado em 9 de fevereiro de 2013. Cópia arquivada em 9 de fevereiro de 2013.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Convento da Penha


Ícone de esboço Este(a) artigo sobre capela, igreja ou catedral é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.