Anexo:Resultados da primeira fase da Copa Sul-Americana de 2009

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A primeira fase da Copa Sul-Americana de 2009 foi disputada entre os dias 4 de agosto e 17 de setembro. Os vencedores de cada chave classificaram-se a fase final, a partir das oitavas-de-final.

Assim como em todas as fases da Copa Sul-Americana, as equipes se enfrentaram em jogos eliminatórios de ida e volta, classificando-se a que somou o maior número de pontos. Em caso de igualdade em pontos, a regra do gol marcado como visitante entrou em consideração. Persistindo o empate, a vaga foi definida em disputa por pênaltis.

Equipes da Argentina e do Brasil fizeram confrontos nacionais na primeira fase, enquanto que as demais federações se enfrentaram em jogos internacionais desde essa fase.

Resultados[editar | editar código-fonte]

Chave Equipe 1 Total Equipe 2 Ida Volta
O1 Atlético Mineiro Brasil 2–2 (5–6 p) Brasil Goiás 1–1 1–1
O2 La Equidad Colômbia 2–3 Chile Unión Española 2–2 0–1
O3 Vitória Brasil 2–2 (5–3 p) Brasil Coritiba 2–0 0–2
O4 Universidad de Chile Chile 3–1 Colômbia Deportivo Cali 2–1 1–0
O5 Fluminense Brasil 1–1 (gv) Brasil Flamengo 0–0 1–1
O6 Liverpool Uruguai 0–2 Peru Cienciano 0–0 0–2
O7 River Plate Argentina 1–3 Argentina Lanús 1–2 0–1
O8 Zamora Venezuela 1–3 Equador Emelec 0–1 1–2
O9 Atlético Paranaense Brasil 2–3 Brasil Botafogo 0–0 2–3
O10 LDU Quito Equador 2–1 Paraguai Libertad 1–0 1–1
O11 Tigre Argentina 2–2 (gv) Argentina San Lorenzo 2–1 0–1
O12 Alianza Atlético Peru 2–1 Venezuela Deportivo Anzoátegui 0–0 2–1
O13 Brasil Internacional diretamente classificado as oitavas-de-final
O14 Blooming Bolívia 1–5 Uruguai River Plate 0–3[a] 1–2
O15 Boca Juniors Argentina 1–2 Argentina Vélez Sársfield 1–1 0–1
O16 Cerro Porteño Paraguai 4–1 Bolívia La Paz 2–0 2–1

Chave O1[editar | editar código-fonte]

Todas as partidas estão no horário local.

26 de agosto Atlético Mineiro Brasil 1 – 1 Brasil Goiás Estádio Mineirão, Belo Horizonte
21:50 (UTC-3)
Tchô Gol marcado aos 60 minutos de jogo 60' Relatório Felipe Gol marcado aos 83 minutos de jogo 83' (pen) Público: 2.197
Árbitro: ColômbiaCOL Wilmar Roldán

16 de setembro Goiás Brasil 1 – 1 Brasil Atlético Mineiro Estádio Serra Dourada, Goiânia
21:50 (UTC-3)
Felipe Gol marcado aos 76 minutos de jogo 76' (pen) Relatório Júnior Gol marcado aos 70 minutos de jogo 70' Público: 5.597
Árbitro: BrasilBRA Pedro Vuaden
    Penalidades  
Felipe Convertido
Fernandão Convertido
Bruno Meneghel Erro (Chute para fora)
Zé Carlos Convertido
Léo Lima Convertido
Vítor Convertido
Leandro Euzébio Convertido
6 – 5 Convertido Júnior
Convertido Alessandro
Erro (Defendido) Renan
Convertido Wellington Saci
Convertido Tchô
Convertido Alex Bruno
Erro (Defendido) Chiquinho
 

Chave O2[editar | editar código-fonte]

5 de agosto La Equidad Colômbia 2 – 2 Chile Unión Española Estádio El Campín, Bogotá
17:15 (UTC-5)
Carreño Gol marcado aos 54 minutos de jogo 54'
Miranda Gol marcado aos 80 minutos de jogo 80' (g.c.)
Relatório Canales Gol marcado aos 3 minutos de jogo 3', Gol marcado aos 90+3 minutos de jogo 90+3' Público: 8.823
Árbitro: EquadorECU Samuel Haro

25 de agosto Unión Española Chile 1 – 0 Colômbia La Equidad Estádio Santa Laura, Santiago
21:45 (UTC-4)
Aravena Gol marcado aos 17 minutos de jogo 17' Relatório Árbitro: PeruPER Víctor Hugo Carrillo

Chave O3[editar | editar código-fonte]

13 de agosto Vitória Brasil 2 – 0 Brasil Coritiba Estádio Barradão, Salvador
19:15 (UTC-3)
Uelliton Gol marcado aos 46 minutos de jogo 46'
Jackson Gol marcado aos 72 minutos de jogo 72'
Relatório Público: 5.344
Árbitro: ParaguaiPAR Carlos Galeano

25 de agosto Coritiba Brasil 2 – 0 Brasil Vitória Estádio Couto Pereira, Curitiba
20:15 (UTC-3)
Marcelinho Paraíba Gol marcado aos 47 minutos de jogo 47'
Renatinho Gol marcado aos 58 minutos de jogo 58'
Relatório Árbitro: PeruPER Víctor Hugo Rivera
    Penalidades  
Marcelinho Paraíba Convertido
Rodrigo Heffner Convertido
Jeci Erro (Chute para fora)
Renatinho Convertido
3 – 5 Convertido Carlos Alberto
Convertido Leandro Domingues
Convertido Magal
Convertido Apodi
Convertido Roger
 

Chave O4[editar | editar código-fonte]

4 de agosto Universidad de Chile Chile 2 – 1 Colômbia Deportivo Cali Estádio Nacional, Santiago
20:15 (UTC-4)
Olivera Gol marcado aos 60 minutos de jogo 60', Gol marcado aos 66 minutos de jogo 66' (pen) Relatório Herrera Gol marcado aos 47 minutos de jogo 47' Público: 15.690
Árbitro: ArgentinaARG Diego Abal

18 de agosto Deportivo Cali Colômbia 0 – 1 Chile Universidad de Chile Estádio Olímpico Pascual Guerrero, Cáli
21:30 (UTC-5)
Relatório Montillo Gol marcado aos 68 minutos de jogo 68' Público: 8.344
Árbitro: EquadorECU Carlos Vera

Chave O5[editar | editar código-fonte]

12 de agosto Fluminense Brasil 0 – 0 Brasil Flamengo Estádio do Maracanã, Rio de Janeiro
21:50 (UTC-3)
Relatório Público: 14.221
Árbitro: UruguaiURU Roberto Silvera

26 de agosto Flamengo Brasil 1 – 1 Brasil Fluminense Estádio do Maracanã, Rio de Janeiro
21:50 (UTC-3)
Dênis Marques Gol marcado aos 60 minutos de jogo 60' Relatório Roni Gol marcado aos 45+1 minutos de jogo 45+1' (pen) Público: 12.278
Árbitro: ChileCHI Carlos Chandía

Chave O6[editar | editar código-fonte]

13 de agosto Liverpool Uruguai 0 – 0 Peru Cienciano Estádio Centenário, Montevidéu
21:30 (UTC-3)
Relatório Público: 3.515
Árbitro: ArgentinaARG Saúl Laverni

20 de agosto Cienciano Peru 2 – 0 Uruguai Liverpool Estádio Garcilaso de la Vega, Cusco
21:00 (UTC-5)
Guevara Gol marcado aos 31 minutos de jogo 31'
Santucho Gol marcado aos 59 minutos de jogo 59' (g.c.)
Relatório Público: 22.196
Árbitro: VenezuelaVEN Juan Soto

Chave O7[editar | editar código-fonte]

19 de agosto River Plate Argentina 1 – 2 Argentina Lanús Estádio Monumental de Nuñez, Buenos Aires
21:15 (UTC-3)
Fabbiani Gol marcado aos 68 minutos de jogo 68' Relatório Salvio Gol marcado aos 80 minutos de jogo 80', Gol marcado aos 90 minutos de jogo 90' Público: 19.496
Árbitro: ArgentinaARG Sergio Pezzota

17 de setembro Lanús Argentina 1 – 0 Argentina River Plate Estádio Néstor Díaz Pérez, Lanús, Buenos Aires
20:15 (UTC-3)
Salcedo Gol marcado aos 55 minutos de jogo 55' Relatório Público: 6.381
Árbitro: ArgentinaARG Federico Beligoy

Chave O8[editar | editar código-fonte]

5 de agosto Zamora Venezuela 0 – 1 Equador Emelec Estadio Agustín Tovar, Barinas
20:00 (UTC-4:30)
Relatório Mendoza Gol marcado aos 90+3 minutos de jogo 90+3' Público: 9.936
Árbitro: PeruPER Georges Buckley

27 de agosto Emelec Equador 2 – 1 Venezuela Zamora Estádio George Capwell, Guayaquil
20:45 (UTC-5)
Mendoza Gol marcado aos 70 minutos de jogo 70'
Peirone Gol marcado aos 89 minutos de jogo 89'
Relatório Pérez Gol marcado aos 26 minutos de jogo 26' Árbitro: ChileCHI Jorge Osório

Chave O9[editar | editar código-fonte]

2 de setembro Atlético Paranaense Brasil 0 – 0 Brasil Botafogo Arena da Baixada, Curitiba
21:50 (UTC-3)
Relatório Público: 14.388
Árbitro: BrasilBRA Paulo César de Oliveira

16 de setembro Botafogo Brasil 3 – 2 Brasil Atlético Paranaense Estádio Engenhão, Rio de Janeiro
21:50 (UTC-3)
Lúcio Flávio Gol marcado aos 45 minutos de jogo 45'
Gabriel Gol marcado aos 60 minutos de jogo 60'
Wellington Gol marcado aos 83 minutos de jogo 83'
Relatório Wesley Gol marcado aos 32 minutos de jogo 32'
Nei Gol marcado aos 81 minutos de jogo 81'
Público: 4.519
Árbitro: BrasilBRA Wilson Seneme

Chave O10[editar | editar código-fonte]

11 de agosto LDU Quito Equador 1 – 0 Paraguai Libertad Estádio La Casa Blanca, Quito
16:00 (UTC-5)
Reasco Gol marcado aos 45 minutos de jogo 45' Relatório Público: 6.786
Árbitro: ColômbiaCOL José Buitrago

25 de agosto Libertad Paraguai 1 – 1 Equador LDU Quito Estadio Defensores del Chaco, Assunção
19:15 (UTC-4)
González Gol marcado aos 33 minutos de jogo 33' Relatório Méndez Gol marcado aos 64 minutos de jogo 64' Árbitro: BrasilBRA Paulo César de Oliveira

Chave O11[editar | editar código-fonte]

18 de agosto Tigre Argentina 2 – 1 Argentina San Lorenzo Estádio Monumental Victoria, Victoria
21:15 (UTC-3)
Morel Gol marcado aos 4 minutos de jogo 4'
Oviedo Gol marcado aos 8 minutos de jogo 8'
Relatório Rivero Gol marcado aos 31 minutos de jogo 31' Público: 9.773
Árbitro: ArgentinaARG Federico Beligoy

15 de setembro San Lorenzo Argentina 1 – 0 Argentina Tigre Estádio Nuevo Gasómetro, Buenos Aires
20:45 (UTC-3)
Bordagaray Gol marcado aos 87 minutos de jogo 87' Relatório Público: 9.773
Árbitro: ArgentinaARG Pablo Lunati

Chave O12[editar | editar código-fonte]

6 de agosto Alianza Atlético Peru 0 – 0 Venezuela Deportivo Anzoátegui Estádio Elías Aguirre, Chiclayo
19:15 (UTC-5)
Relatório Público: 537
Árbitro: BolíviaBOL Joaquín Antequera

15 de setembro Deportivo Anzoátegui Venezuela 1 – 2 Peru Alianza Atlético Estádio José Antonio Anzoátegui, Puerto La Cruz
21:45 (UTC-4:30)
García Gol marcado aos 64 minutos de jogo 64' Relatório Valverde Gol marcado aos 15 minutos de jogo 15'
Rodríguez Gol marcado aos 66 minutos de jogo 66'
Árbitro: EquadorECU Daniel Salazar

Chave O13[editar | editar código-fonte]

Brasil Internacional diretamente classificado às oitavas-de-final.

Chave O14[editar | editar código-fonte]

11 de agosto Blooming Bolívia 0 – 3[a] Uruguai River Plate Estádio Ramón Tahuichi Aguilera, Santa Cruz de la Sierra
20:15 (UTC-4)
Relatório Puppo Gol marcado aos 61 minutos de jogo 61' Público: 10.470
Árbitro: PeruPER Víctor Hugo Carrillo

27 de agosto River Plate Uruguai 2 – 1 Bolívia Blooming Estádio Centenário, Montevidéu
20:15 (UTC-3)
Córdoba Gol marcado aos 80 minutos de jogo 80'
Montelongo Gol marcado aos 87 minutos de jogo 87'
Relatório Chávez Gol marcado aos 85 minutos de jogo 85' Árbitro: ParaguaiPAR Antonio Arias

Chave O15[editar | editar código-fonte]

20 de agosto Boca Juniors Argentina 1 – 1 Argentina Vélez Sársfield Estádio La Bombonera, Buenos Aires
20:15 (UTC-3)
Mouche Gol marcado aos 3 minutos de jogo 3' Relatório Paletta Gol marcado aos 33 minutos de jogo 33' (g.c.) Público: 10.248
Árbitro: ArgentinaARG Diego Abal

16 de setembro Vélez Sársfield Argentina 1 – 0 Argentina Boca Juniors Estádio José Amalfitani, Buenos Aires
21:15 (UTC-3)
Cristaldo Gol marcado aos 61 minutos de jogo 61' Relatório Público: 14.522
Árbitro: ArgentinaARG Saúl Laverni

Chave O16[editar | editar código-fonte]

12 de agosto Cerro Porteño Paraguai 2 – 0 Bolívia La Paz Estádio General Pablo Rojas, Assunção
18:30 (UTC-4)
Nanni Gol marcado aos 20 minutos de jogo 20'
Brítez Gol marcado aos 56 minutos de jogo 56'
Relatório Público: 8.189
Árbitro: ChileCHI Pablo Pozo

20 de agosto La Paz Bolívia 1 – 2 Paraguai Cerro Porteño Estádio Hernando Siles, La Paz
16:00 (UTC-4)
Segovia Gol marcado aos 47 minutos de jogo 47' Relatório Nanni Gol marcado aos 3 minutos de jogo 3'
dos Santos Gol marcado aos 33 minutos de jogo 33'
Público: 2.191
Árbitro: UruguaiURU Martín Vázquez

Notas[editar | editar código-fonte]

a. ^ O primeiro jogo entre River Plate e Blooming foi interrompido aos 20 minutos do 2º tempo por falta de segurança, quando o River Plate vencia por 1 a 0. A CONMEBOL puniu o Blooming em 10 mil dólares e declarou o River Plate vencedor por 3 a 0.[1]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Globoesporte (18 de agosto de 2009). Sul-Americana: Conmebol confirma River-URU como vencedor de jogo suspenso (em português). Página visitada em 18 de agosto de 2009.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]