Copa do Mundo FIFA de 2022

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Sports icon.png
Este artigo ou seção contém informações sobre um evento desportivo que ainda não ocorreu.
É provável que contenha informações de natureza especulativa, e seu conteúdo pode mudar drasticamente à medida que novas informações estiverem disponíveis.
Copa do Mundo FIFA de 2022
2022 FIFA World Cup
بطولة كأس العالم لكرة القدم 2022
Qatar 2022.svg
Logotipo oficial da candidatura
Dados
Participantes 32
Anfitrião  Catar
Período
Gol(o)s Não disponível
◄◄ Rússia Rússia 2018 Soccerball.svg 2026 Flag of None.svg ►►

A Copa do Mundo FIFA de 2022 ou Campeonato Mundial de Futebol FIFA de 2022 será a 22ª edição do evento e terá como país-anfitrião o Catar. Esta será a primeira edição da Copa do Mundo FIFA a ser realizada no Oriente Médio, sendo que a escolha do Catar como país-sede ocorreu no dia 2 de dezembro de 2010.[1]

Candidatura[editar | editar código-fonte]

O Catar decidiu apresentar a sua candidatura apenas para 2022. Com apenas 1,6 milhão de habitantes, o país pretendeu ser a primeira nação do Oriente Médio a receber tal competição, tentando aproximar os mundos ocidentais e orientais.[2] [3]

Uma das preocupações da candidatura foram as temperaturas muito elevadas que se registram naquele país. A Copa do Mundo sempre foi realizada entre junho e julho, extamente o período de intervalo das ligas europeias. Nesse período de tempo, as temperaturas ultrapassam facilmente os 40 °C, nunca baixando para menos de 30 °C.[4] [5] O sheik Mohammed bin Hamad bin Khalifa al-Thani, autoridade responsável pela candidatura de 2022, afirmou que está em curso a introdução de uma tecnologia dentro dos estádios de modo a conseguir baixar as temperaturas em cerca de 20 °C.[6]

O presidente da FIFA, Joseph Blatter, admitiu apoiar a idéia de que um país do Oriente Médio recebesse o Campeonato do Mundo de Futebol. Ele afirma que o Oriente Médio merece receber tal competição, já que 22 países da região nunca tiveram uma oportunidade concreta de receber um torneio dessa envergadura, senão o Catar. Blatter ainda afirma que ficou surpreendido com a evolução desta candidatura e reteirou que o país já mostrou ser capaz de organizar tal competição, quando sediou com sucesso os Jogos Asiáticos de 2006.[7]

Processo de escolha[editar | editar código-fonte]

Resultados da escolha da 22ª Copa do Mundo FIFA
Candidato Rodada 1 Rodada 2 Rodada 3 Rodada 4
 Catar 11 10 11 14
 Estados Unidos 3 5 6 8
 Coreia do Sul 4 5 5
 Japão 3 2
 Austrália 1

O Catar foi escolhido como sede da Copa do Mundo FIFA de 2022 em 2 de dezembro de 2010, durante reunião do Comitê Executivo da FIFA, em Zurique, Suíça, impondo-se diante das candidaturas de Estados Unidos, Austrália, Coreia do Sul e Japão.[8] [9]

Na primeira rodada da votação, ficou em primeiro lugar com 11 votos, mas não obteve a maioria absoluta. Segundo as regras da FIFA, nesses casos, a última colocada (no caso, a Austrália) é eliminada e ocorre uma nova rodada. Nesta, o Catar atingiu 10 votos, um a menos que na primeira, mas ainda permaneceu em primeiro sem obter a maioria absoluta dos votos, sendo necessárias mais duas rodadas quando finalmente derrotou os Estados Unidos por 14 a 8.[10]

Realização no final do ano[editar | editar código-fonte]

O secretário-geral da FIFA, Jérôme Valcke confirmou que a Copa de 2022 não será realizada nos meses de junho e julho, por causa do forte calor nesses meses, já que é Verão no hemisfério norte, e as temperaturas podem chegar a 50ºC. A mais provável data seria em novembro, onde o clima é mais ameno (já que é outono nessa época). [11]

Sedes[editar | editar código-fonte]

A copa deverá ter sete sedes. Doha, a capital e maior cidade, aonde haverá seis estádios de médio porte. Outras seis cidades cataris também serão sedes. São elas: Lusail que sediará a abertura e a final da Copa, Al Khor, Madinat ash Shamal, Al Wakrah, Umm Salal e Al Rayyan.[12]

Lusail Doha Doha Doha
Estádio Nacional Lusail Estádio Internacional Khalifa Estádio da Cidade dos Esportes Estádio da Cidade da Educação
Capacidade: 86,250
(planejado)
Capacidade: 40,000
(planos de expansão para 68,030)
Capacidade: 47,560
(planejado)
Capacidade: 45,350
(planejado)
Khalifa International Stadium interior night 2009 Emir Cup.jpg
Al Khor Madinat ash Shamal
Estádio Al-Khawr Estádio Al-Shamal
Capacidade: 45,330
(planejado)
Capacidade: 45,120
(planejado)
Al Wakrah Umm Salal
Estádio Al-Wakrah Estádio de Umm Salal
Capacidade: 45,120
(planejado)
Capacidade: 45,120
(planejado)
Doha Doha Al Rayyan Doha
Estádio do Porto de Doha Estádio Al-Gharafa Estádio Ahmed bin Ali Estádio da Universidade do Qatar
Capacidade: 44,950
(planejado)
Capacidade: 21,282
(planos de expansão para 44,740)
Capacidade: 21,282
(planos de expansão para 44,740)
Capacidade: 43,520
(planejado)

Seleções classificadas[editar | editar código-fonte]

Ásia (AFC)[editar | editar código-fonte]

País Participações Qualificação Data de Qualificação Melhor Colocação
Flag of Qatar.svg Qatar 1 País anfitrião 2 de dezembro de 2010 Será a 1° copa

Fase de grupos[editar | editar código-fonte]

Equipes classificadas para a fase final
Equipes eliminadas

Fase final[editar | editar código-fonte]

Esquema[editar | editar código-fonte]

Oitavas-de-final Quartas-de-final Semifinais Final
                           
           
  Flag of None.svg  
  Flag of None.svg    
  Flag of None.svg  
   Flag of None.svg    
  Flag of None.svg  
  Flag of None.svg    
  Flag of None.svg  
    Flag of None.svg    
  Flag of None.svg  
  Flag of None.svg    
  Flag of None.svg  
    Flag of None.svg    
  Flag of None.svg  
  Flag of None.svg    
  Flag of None.svg  
    Flag of None.svg  
 Flag of None.svg  
  Flag of None.svg    
 Flag of None.svg  
    Flag of None.svg    
  Flag of None.svg  
 Flag of None.svg    
  Flag of None.svg  
    Flag of None.svg     Terceiro lugar
  Flag of None.svg  
  Flag of None.svg    
 Flag of None.svg     Flag of None.svg  
    Flag of None.svg       Flag of None.svg  
  Flag of None.svg  
  Flag of None.svg    

Controvérsias[editar | editar código-fonte]

Em Junho de 2014 o jornal inglês 'Sunday Times'publicou em sua edição, uma suposta denuncia que põe em cheque a legitimidade do processo de escolha da sede da copa de 2022. De acordo com a matéria o ex-dirigente da Federação asiática de futebol (AFC), Mohammed Bin Hammam, teria pago 5 milhões de dólares a responsáveis pelo futebol africano para comprar a eleição do Qatar como sede da Copa de 2022.[13]

Referências

  1. Qatar vai organizar o Mundial 2022 (em português). [[Público (jornal)|]] (2 de dezembro de 2010). Página visitada em 2 de dezembro de 2010.
  2. Rússia, em 2018, e Qatar, em 2022, são escolhidos para sediar a Copa (em português). R7 (2 de dezembro de 2010). Página visitada em 2 de dezembro de 2010.
  3. Qatar 2022 announces Bid Committee leadership (em inglês). Dubai Chronicle (25 de março de 2009). Página visitada em 2 de dezembro de 2010.
  4. Heathcote, Neil (4 de maio de 2010). Qatar pitches cool World Cup bid (em inglês). BBC World News. Página visitada em 7 de maio de 2010.
  5. Monthly Averages for Doha, Qatar (em inglês). The Weather Channel. Página visitada em 26 de outubro de 2009.
  6. Tripathi, Raajiv; Nag, Arindam (25 de março de 2009). Qatar will be great host for WC 2022 (em inglês). Qatar Tribune.
  7. Blatter reaches out to Arabia (em inglês). Al Jazeera (25 de abril de 2010). Página visitada em 1 de maio de 2010.
  8. Radford, Paul (2 de dezembro de 2010). Fifa prepara decisão histórica sobre Copas de 2018 e 2022 (em português). O Estado de S. Paulo. Página visitada em 3 de dezembro de 2010.
  9. O mundo em Zurique (em português). FIFA.com (2 de dezembro de 2010). Página visitada em 3 de dezembro de 2010.
  10. Castanho, Fábio de Mello (2 de dezembro de 2010). Austrália e Inglaterra passam vexame em votação (em português). Terra Networks. Página visitada em 3 de dezembro de 2010.
  11. Valcke confirma que Copa de 2022 não será realizada no verão do Catar, GloboEsporte.com. Acesso em 08 de janeiro de 2014.
  12. Roscoe, Andrew (13 de maio de 2010). Qatar unveils World Cup building plans (em inglês). Meed.com. Página visitada em 3 de dezembro de 2010.
  13. Qatar pagou propina para levar a Copa de 2022, segundo jornal inglês..Página visitada em 27 de junho de 2014.