Correio Popular

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Correio Popular
Correio Popular
Periodicidade diário
Formato standard
Proprietário RAC
Fundador(es) Álvaro Ribeiro
Fundação 1927
Sede Campinas
Página oficial http://www.cpopular.com.br

O Correio Popular é um jornal brasileiro que circula em Campinas e região. Foi fundado no dia 4 de setembro de 1927, por Álvaro Ribeiro. Na primeira publicação, foi publicada a frase abaixo, até hoje reproduzida nos jornais, conforme a grafia na época:

O NOSSO OBJECTIVO
Seremos na imprensa vigilantes fiscaes na administração publica e zeladores intransigentes do direito collectivo[1]

É o jornal de maior circulação na cidade[carece de fontes?]. Por dia, a tiragem do jornal é de cerca de 48 000 exemplares (aos domingos, esse número chega a 66 000 exemplares). Esses números põem o jornal como a maior publicação do Brasil, fora das capitais, e uma das maiores publicações do país. Predefinição:Carece de fontes, a tiragem do veículo já atingiu esse número mas atualmente é muito inferior.

O jornal é administrado pela companhia de comunicação RAC (Rede Anhanguera de Comunicação), que também comanda outras publicações do interior paulista, tais como os jornais Diário do Povo e Notícia JÁ ambos em formato tabloide e possuindo uma versão on-line no portal Cosmo on-line

O jornal é comandado pela família Godoy desde 1938, quando foi adquirido dos herdeiros de Álvaro Ribeiro. Em 1996, o Correio Popular adquiriu o "Diário do Povo", jornal até então de propriedade do ex-governador Orestes Quércia. Com isso, foi formada a RAC, que se tornou a única empresa de jornalismo impresso de Campinas. O jornal já conquistou três prêmios Esso.

Publicações especiais[editar | editar código-fonte]

O jornal também possui algumas publicações especiais de tiragem semanal:

  • Motor: Publicação especial sobre automóveis e motos, em formato tabloide. Publicada toda quinta-feira.
  • Metrópole: Revista publicada todo domingo, reportagens e informações sobre as principais atrações das cidades da região.
  • Turismo: Caderno em formato standard, mostrando as principais rotas turísticas do Brasil e do mundo. Publicação nos domingos.
  • Correio Criança: Publicação em formato tabloide, especial para o público infantil. Tiragem aos sábados.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Pela grafia atual, o título e a frase seriam escritas assim: O NOSSO OBJETIVO - Seremos na imprensa vigilantes fiscais na administração pública e zeladores intransigentes do direito coletivo.