Corrida Aérea de Londres para Manchester de 1910

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou secção está a ser traduzido (desde julho de 2014). Ajude e colabore com a tradução.
Paulhan pousando seu biplano Farman III em Didsbury para vencer a corrida em 1910.

A Corrida de Londres para Manchester de 1910 foi uma competição anunciada pelo jornal Daily Mail em 1906, oferecendo um prêmio de £ 10.000 para quem primeiro efetuasse um voo entre as cidades de Londres e Manchester com não mais que duas paradas e em menos de 14 horas.[1]

Em 1910, dois homens aceitaram o desafio:[2]

  • O primeiro a efetuar uma tentativa foi Claude Grahame-White, um inglês de Hampshire em 23 de abril de 1910. Problemas com o motor e com o vento que causou danos ao avião ainda em terra num dos pontos de reabastecimento.
  • O segundo a tentar foi Louis Paulhan, um piloto francês, que partiu de Londres em 27 de abril em direção à Lichfield. Poucas horas depois Grahame-White foi avisado da partida de Paulhan, e depois de uma inédita decolagem noturna, quase alcançou Paulhan, mas com o avião muito pesado, ele teve que ceder a vitória.

Louis Paulhan chegou a Manchester na manhã de 28 de abril de 1910,[3] vencendo a disputa. Ambos os aviadores celebraram a sua vitória num banquete que ocorreu no Savoy Hotel em Londres.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre um evento é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.