Corujão (programa)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde setembro de 2014). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Corujão
logotipo do programa
Informação geral
Formato
Duração Variada
País de origem Brasil Brasil
Idioma original Português
Produção
Tema de abertura Instrumental
Tema de
encerramento
Instrumental
Exibição
Formato de exibição 480i (SDTV)
1080i (HDTV) (quando o filme está disponível em HD)
Transmissão original 4 de julho de 1972 (42 anos) (como Sessão Coruja)
4 de julho de 1986 (28 anos) (como Corujão)– presente

Corujão é um programa de televisão brasileiro, sendo uma das mais antigas sessões de filmes da Rede Globo. É exibida nas madrugadas e destina-se a um público variado. Exibe, frequentemente, grandes sucessos e clássicos do cinema mundial a exemplos de produções de Alfred Hitchcock (como Um Corpo que Cai), Stanley Kubrick (2001: Uma Odisseia no Espaço) e Steven Spielberg (Encurralado).

Única sessão com exibição diária (de domingo a domingo), era também considerada até alguns tempos atrás um "tapa-buraco" da Rede Globo: quando não havia espaço suficiente para a exibição de algum filme, a emissora geralmente exibia alguma série norte-americana ou algum desenho animado. A partir de 2014, a sessão de filmes começou a ser exibida, de fato, diariamente.

Antes, nos anos 70, 80, e 90, a emissora geralmente saía do ar, fazendo uma pequena pausa em sua programação. Até a segunda metade dos anos 90, a emissora geralmente saía do ar (de segunda a sexta), fazendo uma pequena pausa em sua programação. Por isso, o Corujão era exibido nas madrugadas de sexta para sábado e de sábado para domingo, dias em que a emissora não encerrava sua programação. A partir de 1998, a emissora passou a sair do ar apenas 1 vez por mês, quando ocorre manutenção técnica de seus transmissores em todo o Brasil.

Em 8 de setembro de 2014, estreou o novo Corujão com interatividade e novas logo, vinheta e identidade visual. O Corujão apresentará filmes brasileiros, muitos recém-saídos dos cinemas, e ainda oferecerá uma maior variedade de gêneros e nacionalidades.[1]

Além disso, a sessão agora também terá interatividade: toda semana, os telespectadores irão escolher, entre dois filmes, o que querem ver na edição de sexta-feira. O vencedor da sessão será sempre anunciado um dia antes da exibição. Isso repete a fórmula usada pela sessão extinta Intercine, que durou de 1996 a 2010. Por conta dessas modificações, passará a ser exibido também as segundas, dessa forma a emissora cancelou a Sessão Brasil, sessão de filmes brasileiros no ar desde 2007.[2] [3]

Antes do programa chamar-se Corujão, chamava-se Sessão Coruja.

Nomes anteriores[editar | editar código-fonte]

antigo logotipo do programa
  • Sessão Coruja - 19721974;
  • Coruja Colorida - 1974–1986;
  • Corujão - 1986–presente.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre programas da Rede Globo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


Ícone de esboço Este artigo sobre Televisão no Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.