Crimson Tide

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Crimson Tide
Maré Vermelha[1]  (PT)
Maré Vermelha (BR)
Estados Unidos
1995 • cor • 116 min 
Direção Tony Scott
Produção Don Simpson
Jerry Bruckheimer
Roteiro Michael Schiffer
Elenco Denzel Washington
James Gandolfini
Gene Hackman
Viggo Mortensen
Ryan Phillippe
Steve Zahn
Género ação
Idioma inglês
Estúdio Hollywood Pictures
Distribuição Buena Vista Pictures Distribution
Página no IMDb (em inglês)

Maré Vermelha (Crimson Tide no original) é um filme de 1995 dirigido por Tony Scott e estrelado por Denzel Washington e Gene Hackman. O filme teve grande êxito à época de seu lançamento, e a trilha sonora, composta por Hans Zimmer, passou a ser uma das mais admiradas do gênero e uma das mais reconhecidas trilhas sonoras produzidas pela Disney, estabelecendo o tom para as trilhas sonoras dos filmes de ação a partir da segunda metade da década de 90.

Assim como A Caçada ao Outubro Vermelho, este é um filme de temática militarista que mostra o clima de embate da Guerra Fria em um período no qual ainda era possível sentir os resquícios da indefinição de um futuro pacífico ou de confrontação militar entre as duas principais potências militares mundias, os Estados Unidos e nova Federação Russa.

O filme obteve três indicações aos prêmios Óscar, e teve o roteiro escrito por Michael Schiffer, depois reescrito pelo diretor Quentin Tarantino. O título Maré Vermelha deriva do time de futebol da Universidade de Alabama, que é o nome do submarino onde a ação se desenrola.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

O filme começa com a apresentação do cenário político da Rússia, onde grupos rebeldes estão em franco combate com o Exército. Preocupado com a escalada da situação, que pode terminar com a vitória dos rebeldes e com a consequente oposição à política dos Estados Unidos, o governo americano decide enviar um submarino nuclear, o USS Alabama, para patrulhar a costa russa e ficar em estado de alerta para qualquer eventualidade.

O capitão do submarino é o experiente Frank Ramsey (Gene Hackman), um homem que dedicou toda sua vida à Marinha e que exige que seus subordinados estejam em constante estado de atenção. Já o segundo na hierarquia, o Oficial Ron Hunter (Denzel Washington), cultiva uma opinião antiguerra e prefere que seus homens sejam naturalmente motivados do que inspirados pelo medo.

Durante a viagem, o USS Alabama recebe ordens para atacar as bases rebeldes russas, criando um clima de tensão dentro do submarino, pois é sabido que o uso de armas nucleares pode desencadear a Terceira Guerra Mundial. Logo em seguida é recebida uma nova mensagem, porém incompleta devido a uma falha na transmissão. É quando o verdadeiro clima do filme é estabelecido. O Capitão Ramsey acha que eles devem manter-se fiéis à ordem original de atacar a Rússia, enquanto que Hunter crê que a solução é tentar descobrir o que a nova mensagem está dizendo. Surge um motim dentro do submarino que desafia a hierarquia militar, onde a tripulação se divide sobre quem apoiar no duelo de egos dos seus superiores, e ainda convive com a possibilidade de iniciar uma guerra sem precedentes.

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Crimson Tide no Internet Movie Database


Ícone de esboço Este artigo sobre um filme é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.