Cristobalita

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Cristobalita é um polimorfismo do quartzo, encontrado em pedras ígneas localizadas em áreas de atividade vulcânica, usado em estudos científicos .Seus cristais provêem informação fundamental para como cristais formam e como eles mudam em ambientes diferentes.


Generalidades[editar | editar código-fonte]

Nome: Cristobalita Nome Químico: Dióxido de Silício Localidade: Cerro San Cristóbal, México Origem do seu nome: Devido à localidade de San Cristóbal (México) Origem: Mineral, biogênica ou sintética Ambiente: Borne-vulcânico, magmático e secundário

Ocorrência[editar | editar código-fonte]

Cerro San Cristóbal, Pachuca, no México (origem do seu nome), Pequeno Lago, Fontes termais de Coso, Cia. de Inyo, Califórnia; Parque nacional de Lago de Cratera, Cia. de Klamath, Oregon; as Montanhas de San Juan no Colorado; Precipício de obsidiana em Parque nacional de Yellowstone, Wyoming; e Mt. Lassen em Lassen Parque nacional Vulcânico na Califórnia.

Composição Química[editar | editar código-fonte]

Nome Químico: Dióxido de silício Fórmula Química: SiO2 Composição: Peso Molecular: 60,08 g/mol

Cristalografia[editar | editar código-fonte]

Estrutura de rede: β - cristobalita: Cúbica ( fcc ); α - cristobalita: Tetragonal ( sendo ao mesmo tempo pseudocúbica) Dimensões da célula: a = 4.971 Ǻ c = 6.918 Ǻ Relações axiais: a:c = 1: 1.39167; Densidade calculada: = 2.33g/cm3.

Propriedades Físicas[editar | editar código-fonte]

Clivagem: Nenhum; Cor: cinzento azul, marron, cinzento, amarelo e branco; Transparência : Translúcido a transparente; Hábitos: - agregados esféricos, arredondados, cristalinos (forma encontrada na natureza ); fino esférico: ocorre como cristais feitos sob medidas finas; Dureza: 6,5 ; Luminescence: Não fluorescente; Magnetismo: Não magnético.