Cuculidae

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaCuculidae
Cuculus pallidus

Cuculus pallidus
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Cuculiformes
Família: Cuculidae
Vigors, 1825
Géneros
Ver texto

Cuculidae é uma família de aves da ordem Cuculiformes conhecidas pelo nome vulgar de cucos, corredores, anus ou sacis. O grupo está mais diversificado na Europa e nas Américas. Os cucos alimentam-se de insetos. Grande parte das espécies do Velho Mundo são parasitas e põem seus ovos nos ninhos de outras aves.

Cria de Cuco num ninho de um rouxinol-pequeno-dos-caniços

Reprodução[editar | editar código-fonte]

A mãe cuco deposita o seu ovo num ninho de outra espécie, que o tratará como qualquer outro dos seus ovos. A mãe de "acolhimento" não dá pela diferença. Como o cuco tem pouco tempo de gestação nasce antes dos outros ovos e, para ganhar espaço, expulsa-os do ninho. Os pais continuam a alimentar o cuco sem darem pela diferença. Quando o cuco atinge a maturidade, é já bastante maior que os seus pais adoptivos e sai do aconchego do ninho.[quem?]

Taxonomia e sistemática[editar | editar código-fonte]

A taxonomia de Sibley-Ahlquist reconheceu 6 famílias dentro da ordem Cuculiformes: Cuculidae, Centropodidae, Coccyzidae, Crotophagidae, Neomorphidae e Opisthocomidae.1 2 O reconhecimento de seis famílias foram baseados em critérios arbitrários para delineamento de táxons a nível familiar, usando distâncias genéticas derivadas de dados de dissociação terminal.3

Família Cuculidae3

  • Incertae sedis
  • Subfamília Crotophaginae Swainson, 1837
    • Gênero Crotophaga Linnaeus, 1758 (3 espécies)
    • Gênero Guira Lesson, 1830 (1 espécie)
  • Subfamília Neomorphinae Shelley, 1891
    • Gênero Tapera Thunberg, 1819 (1 espécie)
    • Gênero Dromococcyx Wied-Neuwied, 1832 (2 espécies)
    • Gênero Morococcyx Sclater, 1862 (1 espécie)
    • Gênero Geococcyx Wagler, 1831 (2 espécies)
    • Gênero Neomorphus Gogler, 1827 (5 espécies)
  • Subfamília Centropodinae Horsfield, 1823
    • Gênero Centropus Illiger, 1811 (30 espécies)
  • Subfamília Couinae Bonaparte, 1854
    • Gênero Carpococcyx Gray, 1840 (3 espécies)
    • Gênero Coua Schinz, 1821 (9 espécies, 1 recentemente extinta)
  • Subfamília Cuculinae Leach, 1820 - inclui Coccyzinae e Phaenicophaeninae
    • Gênero Eocuculus Chandler, 1999 (fóssil: Eoceno Superior de Teller County, USA)9
    • Gênero Rhinortha Vigors, 1830 (1 espécie)
    • Gênero Ceuthmochares Cabanis & Heine, 1863 (2 espécies)
    • Gênero Taccocua Lesson, 1830 (1 espécie)
    • Gênero Zanclostomus Swainson, 1837 (1 espécie)
    • Gênero Rhamphococcyx Cabanis & Heine, 1863 (1 espécie)
    • Gênero Phaenicophaeus Stephens, 1815 (6 espécies)
    • Gênero Dasylophus Swainson, 1837 (2 espécies)
    • Gênero Clamator Kaup, 1829 (4 espécies)
    • Gênero Coccycua Lesson, 1830 - anteriormente em Coccyzus e Piaya, inclui Micrococcyx (3 espécies)
    • Gênero Piaya Lesson, 1830 (2 espécies)
    • Gênero Coccyzus Vieillot, 1816 - inclui Saurothera e Hyetornis (13 espécies)
    • Gênero Pachycoccyx Cabanis, 1882 (1 espécie)
    • Gênero Microdynamis Salvadori, 1878 (1 espécie)
    • Gênero Eudynamys Vigors & Horsfield, 1827 (3 espécies, 1 fóssil)
    • Gênero Urodynamis Salvadori, 1880 (1 espécie)
    • Gênero Scythrops Latham, 1790 (1 espécie)
    • Gênero Chrysococcyx Boie, 1826 (12 espécies) - inclui Rhamphomantis
    • Gênero Cacomantis Muller, 1843 (10 espécies) - inclui Caliechthrus
    • Gênero Cercococcyx Cabanis, 1882 (3 espécies)
    • Gênero Surniculus Lesson, 1830 (4 espécies)
    • Gênero Hieroccocyx Muller, 1845 (8 espécies)
    • Gênero Cuculus Linnaeus, 1758 (11 espécies)

Referências

  1. Sibley, C.G., J.E. Ahlquist, and B.L. Monroe (1988), A classification of the living birds of the world based on DNA-DNA hybridization studies, Auk 105, 409-423.
  2. Sibley, C.G., and J.E. Ahlquist (1990), “Phylogeny and Classification of Birds”, Yale University Press, New Haven, CT.
  3. a b Sorenson, M.D., and R.B. Payne (2005), Molecular systematics: Cuckoo phylogeny inferred from mitochondrial DNA sequences in “The Cuckoos”, pp.68-94 (R.B. Payne, ed.), Oxford University Press, Oxford.
  4. Milne-Edwards, A. 1892. Sur les oiseaux fossiles des dépots éocènes de phosphate de chaux du Sud de la France. Pp. 60-80. In S. P.L., ed. Comptes Rendus du Second Congrès Ornithologique International. Budapest.
  5. L. D. Martin and R. M. Mengel. 1984. Carnegie Museum of Natural History Special Publication 9:171-177
  6. Weigel, R. D. 1963. Oligocene birds from Saskatchewan. Quarterly Journal of the Florida Academy of Science 26(3):257-262.
  7. Olson, Storrs L. (1985): Section VII.C. Cuculidae. In: Farner, D.S.; King, J.R. & Parkes, Kenneth C. (eds.): Avian Biology 8: 110-111. Academic Press, New York
  8. Olson, S. L. 1975. Paleornithology of St Helena Island, South Atlantic Ocean. Smithsonian Contributions to Paleobiology 23: 1-49.
  9. R. M. Chandler. 1999. Fossil birds of Florissant, Colorado: with a description of a new genus and species of cuckoo. National Park Service Paleontological Research, Volume 4. Geologic Resources Division Technical Report NPS/NRGRD/GRDTR-99/03 49-53


Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Commons Imagens e media no Commons
Wikispecies Diretório no Wikispecies
Ícone de esboço Este artigo sobre Aves, integrado no Projeto Aves é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.