Culinária do Oriente Médio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Considere utilizar {{revisão-sobre}} para associar este artigo com um WikiProjeto e colocar uma explicação mais detalhada na discussão.
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém uma ou mais fontes no fim do texto, mas nenhuma é citada no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações.
Por favor, melhore este artigo introduzindo notas de rodapé citando as fontes, inserindo-as no corpo do texto quando necessário.

A Culinária do Oriente Médio é uma mistura de diferentes estilos, entre eles a culinária mediterrânea, a culinária do Magreb e a cozinha árabe, embora a culinária de Israel deva também ser considerada.

Ingredientes[editar | editar código-fonte]

Pode dizer-se que os cereais são a base da alimentação no Médio Oriente, principalmente o trigo, nas suas diferentes formas - farinha, semolina, triguilho -, mas também a cevada e o centeio, usados nos pães planos, como o pita (pão)|pita, mas também em pequenos pastel (culinária)|pasteis muito populares, como o börek, ou os que são elaborados com tiras como o yufka. Outras preparações incluem o cuscuz, que caracteriza a culinária do Magreb e o tabule. O arroz também é consumido em numerosas formas de preparação.

No terreno das carnes; as aves são apreciadas, sobretudo as de caça, a cordeiro e devido à abstinência religiosa que impõem o Islão e o judaísmo; a escassez de pastos faz com que a carne de vaca não seja muito habitual. Os laticínios também estão presentes com frequência.

O mesmo se pode dizer de preparações tão mediterrâneas como os mezze (aperitivos) que aparecem em quase todas as culinárias mediterrâneas: sobretudo as orientais. É muito frequente ver diferentes pratos preparados com picles (mekhalel) típicos das tribos que vivem no deserto.

Entre as especiarias mais típicas que aparecem frequentemente nos pratos das cozinhas do Oriente Médio está o coentro em folhas, o açafrão, sumac, menta, etc. Em alguns casos existem misturas como o baharat iraniano (7 especiarias) a cozinha marroquina ras al hanut (27 especiarias).

Países[editar | editar código-fonte]

Mapa do Oriente Médio

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Claudia Roden, The New Book of Middle Eastern Food, Knopf, 2000. ISBN 0-375-40506-2.
  • Sami Zubaida and Richard Tapper, A Taste of Thyme: Culinary Cultures of the Middle East, London and New York, 1994 and 2000, ISBN 1-86064-603-4.
  • "Food Culture in the Near East, Middle East, and North Africa", Peter Heine, 2000

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Culinária do Oriente Médio