Cummins

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Cummins Inc.
Slogan Making people's lives better by unleashing the Power of Cummins.
Tipo Sociedade anônima
(NYSE:CMI;S&P 500 Component)
Indústria metalúrgica
Fundação 1919
Fundador(es) Clessie Lyle Cummins
Sede Columbus, Estados Unidos
Pessoas-chave Theodore 'Tim' Solso, Chairman & CEO
Tom Linebarger, COO
Pat Ward, CFO
Empregados 50.000 (2010)
Produtos motores a diesel, biodiesel e gás natural; geradores; filtros; turbos
Lucro Aumento US$ 1 bilhão (2010)
Faturamento Aumento US$ 16,2 bilhões (2010)
Página oficial www.cummins.com (mundial)
www.cummins.com.br (Brasil)

A Cummins é uma empresa que desenha, fabrica, distribui e realiza serviços relacionados a motores a diesel e geração de energia, como sistemas de combustível, controle de emissão, filtros, geradores e sistemas de geração de energia elétrica. Com sede em Columbus, Indiana, Estados Unidos, a Cummins vende em mais de 190 países, por meio de uma rede de mais de 600 distribuidores e acima de 5000 vendedores.

Seus números são impressionantes, com um faturamento anual de mais de U$S 16 bilhões, sendo a maior fabricante de motores a diesel do mundo, com lucro superior a U$S 1 bilhão. No Brasil, seus motores estão presentes em diversos caminhões, ônibus, tratores, navios e carros, de diversas empresas com grande peso no mercado, como Ford, Volkswagen, New Holland e Volvo, dentre outras.

É maior fabricante e desenvolvedora de motores a diesel do mundo, estando na lista Fortune 500.

História[editar | editar código-fonte]

A Cummins foi fundada em 1919, por Classie Cummins e W.G. Irwin. Os dois tinham um objetivo muito claro: produzir motores a diesel para caminhões e ônibus da época, que seriam mais resistentes, duradouros e econômicos que os de gasolina. Vendo essa oportunidade de negócio, eles criaram, em Indiana, EUA, a Cummins Engine Company, com o ousado projeto de tornar comercial uma tecnologia inventada havia apenas alguns anos.

Maquinário agrícola foi a porta de entrada para o que viria se tornar a gigante Cummins Inc. Fazendo motores estacionários para agricultura, a Cummins iniciava sua trajetória. Contudo, o começo foi difícil, chegando a atravessar um grande período de prejuízo. Contudo, depois de uma década irregular, a empresa lançou o Modelo H, motor para meios de transporte que deu início a uma família de motores que fez da empresa famosa. A Cummins se tornou lidar de mercado desse tipo de máquina, nos EUA, em meados dos anos 1930.

A expansão internacional seria feita a partir da década seguinte, ocorrendo até os dias de hoje, de uma forma muito dinâmica. A II Guerra Mundial teve saldo positivo para a empresa, que forneceu motores para o Exército Americano, ganhando, assim, grande espaço no mercado internacional. Graças a produção competente e uma forte organização mundial, a empresa atingiu grande tamanho nos anos 1940. Aproveitando conjunturas muito positivas, como a expansão da "highways" norte-americanas, e com uma produção que combinava muito tecnologia e qualidade, a empresa atingiu, nos anos 1950, valor de venda superior a U$S 100 milhões no ano, atingindo a liderança do mercado de motores a diesel, de onde não saiu mais.

A Cummins começou a espalhar-se pelo mundo, instalando 80 fábricas de motores, geradores e componentes e 5 mil pontos de serviços em 197 países. Hoje, é a maior fabricante independente de motores diesel do mundo, sendo que a qualidade, a inovação e a alta tecnologia continuam como as principais características dos produtos, que equipam caminhões, ônibus, barcos, tratores, colheitadeiras, trens e motores estacionários.

O crescimento internacional da empresa está identificado pela sua presença mundial: além de Indiana, nos EUA, a empresa tem plantas em China, Índia, Reino Unido, Singapura, Coréia do Sul, Turquia, México e Brasil. Além disso, a companhia conta com mais de 600 distribuidores e 5200 dealers, o que consegue fazer com a empresa tenha alcance em mais de 190 países, sendo, de fato, global.

No Brasil[editar | editar código-fonte]

Graças a visão de seus líderes, como J. Irwin Miller, a Cummins criou laços fortes com mercado emergentes, como China, Índia e Brasil. Neste último, a empresa foi uma das pioneiras entre as norte-americanas, como forte presença no país antes da maioria. Antecipando a tendência mundial atual, a Cummins veio ao Brasil ainda nos anos 1970, seguindo os passos de algumas grande empresas às quais era fornecedora, que faziam o mesmo caminho.

Atraída por novas oportunidades de negócios, a subsidiária da Cummins Engine Company foi constituída como "Cummins Brasil". Em 1974, iniciou suas atividades industriais em Guarulhos (SP). Produzindo uma variada gama de motores, a empresa fornece para diversos segmentos do mercado, entre eles: caminhões de todos os portes, pickups, ônibus, aplicações estacionárias, máquinas de construção, equipamentos agrícolas, máquinas para mineração e aplicações marítimas.

A empresa cresceu no Brasil de uma maneira tão dinâmica, que foram criadas mais duas plantas, também na região de Guarulhos: a Cummins Emissions Solutions, que desenvolve e fabrica instrumentos de soluções para emissões de gases, e a Cummins Filtros, subsidiária da líder mundial em soluções de filtros, refrigeração e química de motores a diesel.

Em setembro de 2000, a Cummins passou a atuar também na fabricação, venda e locação de geradores de energia, por meio de nossos colaboradores credenciados.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma empresa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.