Dança dos Fantasmas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes (desde setembro de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Este artigo se refere ao movimento religioso. Para o romance de John Norman, veja Dança dos Fantasmas (livro).
A Dança dos Fantasmas

A Dança dos Fantasmas (em inglês Ghost Dance Movement ou Round Dance) foi um movimento religioso desenvolvido entre as tribos de índios norte-americanos no século XIX.

História[editar | editar código-fonte]

Há dois movimentos da "Dança dos Fantasmas":

A primeira surgiu em 1869, quando um índio paiute chamado Wodziwob, teve um transe e ensinou aos índios uma série de rituais, que incluíam a “Dança dos Fantasmas”, onde os participantes, de mãos dadas, rodavam para esquerda em círculo. Este movimento espalhou-se para a Califórnia e o Oregon e depois gradualmente desapareceu.

Wovoka – Xamã Paiute e criador da Dança dos Fantasmas

A segunda iniciou-se em 1889, quando um outro índio paiute chamado Wovoka, também teve um transe e começou a profetizar um futuro sem homens brancos, quando os índios recuperariam suas terras e os falecidos regressariam à vida. Entre os rituais deste movimento , a "Dança dos Fantasmas" tinha destaque especial. Este movimento acabou se alastrando entre os cheyenne, os sioux e outras tribos.

Os colonos brancos vendo que várias tribos executavam o ritual julgavam que tratava-se de preparativos para guerra e acabaram por pedir auxílio do governo. Estes eventos culminaram no Massacre de Wounded Knee em 1890 que acabou por selar o fim do movimento.

A "Dança dos Fantasmas" extinguiu-se, ainda que no inicio do século XX, algumas tribos ainda praticassem o ritual.


Ícone de esboço Este artigo sobre religião é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.