Darío Bottinelli

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bottinelli
Informações pessoais
Nome completo Darío Bottinelli
Data de nasc. 26 de dezembro de 1986 (27 anos)
Local de nasc. Buenos Aires,  Argentina
Nacionalidade  Argentina
Altura 1,67 m
Destro
Apelido El Pollo
Informações profissionais
Clube atual Chile Universidad Católica
Número 18
Posição Meio-Campista
Clubes de juventude
Argentina San Lorenzo
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
20052007
2007
2008
20082010
2010
2011-2012
2013
2014
Argentina San Lorenzo
Argentina Racing
Chile Universidad Católica
México Atlas
Chile Universidad Católica (emp.)
Brasil Flamengo
Brasil Coritiba
Chile Universidad Católica (emp.)
0043 0000(2)
0001 0000(0)
0028 0000(7)
0051 0000(11)
0016 0000(3)
0090 0000(11)
0020 0000(0)
0014 0000(6)

Darío Bottinelli (Buenos Aires, 26 de dezembro de 1986), é um futebolista argentino que atua como meia. Atualmente, defende o Universidad Católica.

É irmão mais novo do também futebolista Jonathan Bottinelli. Ele tem ainda outros quatro irmãos. Um destes é seu gêmeo, Juan, que chegou a ser goleiro nas categorias de base do San Lorenzo, onde os Bottinelli surgiram.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

San Lorenzo[editar | editar código-fonte]

É conhecido pela sua habilidade com o pé direito e tem como traço marcante a união da velocidade e da boa técnica. Formado no San Lorenzo, onde profissionalizou-se com apenas 17 anos de idade, o jogador despertou cobiça de diversos clubes argentinos e do resto do mundo desde muito cedo. Uma transferência, aliás, era dada como certa e só não se concretizou em virtude de uma fratura no pé que o deixou fora dos gramados por um bom tempo e que culminou na perda de oportunidades dada com a chegada de Ramón Díaz ao San Lorenzo.

Racing, Universidad Católica e Atlas[editar | editar código-fonte]

Bottinelli se desligou do San Lorenzo em 2007 quando acertou contrato com o Racing, também da Argentina. A passagem pelo Racing foi curta e pouco proveitosa, de forma que apenas um ano depois, o jovem meia assinaria com o Universidad Católica por 1 milhao de peso chileno cerca de 500 mil reais, onde passaria com algum destaque tanto na fase de grupos da Taça Libertadores da América, como no torneio Apertura daquele ano, credenciando-se mais tarde a se transferir para o Atlas, do México.

Universidad Católica[editar | editar código-fonte]

Sem conseguir repetir no clube mexicano as boas atuações obtidas no time chileno, Darío foi emprestado pelo Atlas ao mesmo Universidad Católica. E foi justamente na sua segunda passagem pelo Chile que o Pollo mostrou seu valor. Foi peça importante para a arrancada obtida pelo Universidad Católica e que conduziu o clube ao Campeonato Chileno de 2010.

Flamengo[editar | editar código-fonte]

Em 21 de Dezembro de 2010, o Flamengo anunciou sua contratação ao comprar do Atlas os seus direitos federativos. O Universidad Católica, clube com qual tinha contrato de empréstimo por mais 6 meses foi ressarcido pelos mexicanos.

No dia 16 de Janeiro de 2011, Bottinelli jogou seu primeiro jogo com a camisa do Flamengo e marcou seu primeiro gol no amistoso contra o América Mineiro, em Londrina. O jogo acabou 2x1 para o Flamengo e o argentino tão cedo já caiu nas graças da torcida do Flamengo. Por conta de lesões acabou não dando sequência em jogos no rubro-negro e perdendo a vaga no time. Mas depois de se recuperar, entrou muito bem no jogo da semi-final da Taça Rio contra o Fluminense e na Copa do Brasil tento destaque contra o Horizonte-CE e o Ceará, reconquistando o posto de titular e ganhando a confiança da torcida e de seu treinador. Começa o Brasileirão bem e marca nas duas primeiras partidas.Marcou o gol da vitória Rubro-Negra em cima do São Paulo Por 1 a 0 No Brasileirão. Também foi decisivo no jogo contra o Fluminense, quando, ao entrar no segundo tempo, marcou dois belos gols (um por cobrança de falta e outro por uma bela finalização de fora da área) e deu a vitória ao rubro-negro, num jogo em que o time estava sem alguns dos seus principais jogadores e perdendo faltando cerca de 5 minutos pra acabar o jogo.

Já em 2012, na pré temporada que estava sendo realizada em Londrina, Bottinelli se alternava entre titular ou reserva nos treinos. O primeiro jogo do Flamengo no ano foi contra o Londrina em um amistoso. O time titular do Flamengo não marcou e nem sofreu gols. O técnico Vanderlei Luxemburgo retirou os titulares de campo e colocou os jogadores do banco e assim, Darío entrou e marcou um belo gol de falta que deu a vitória ao Flamengo por 1 a 0. No segundo jogo da pré temporada, Bottinelli voltou a marcar. Dessa vez contra o atual campeão brasileiro, Corinthians, já no segundo tempo. Após o time titular fracassar em campo e sair perdendo por 2 a 0, Bottinelli que entrou no segundo tempo, fez um belo gol. Mais tarde Negueba também marcou para o Flamengo e o jogo terminou em 2 a 2, em 2012 o argentino vem se destacando e sendo fundamental para a equipe Rubro-Negra.

No início de maio 2012 o Flamengo tentou envolvê-lo em uma negociação de troca com o Cruzeiro, mas o argentino se negou a ir jogar na equipe celeste, devido ao seu afeto ao Rubro-Negro e por causa da família, que já está adaptada ao Rio de Janeiro.

Em dezembro de 2012 a diretoria rubro-negra optou por não renovar o contrato do argentino, que termina no dia 25 de janeiro, deixando-o livre para assinar por outro clube.

Coritiba[editar | editar código-fonte]

Em janeiro de 2013, Bottinelli foi contratado pelo Coritiba.[2] A sua chegada foi exaltada por Deivid, que reeditará com o argentino uma parceria que vem desde os tempos de Flamengo. Para o centroavante, no rubro-negro "ele [Botinelli] me deu várias assistências, e tenho certeza que aqui no Coritiba vou poder fazer muitos gols com passes dele."[3] Em um dos primeiros treinos da temporada, Bottinelli se machucou gravemente após uma entrada dura por trás do meia Lincoln.[4] No dia 6 de Junho de 2013 Darío fez sua estreia no coritiba em partida contra o Fluminense.

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Até 15 de fevereiro de 2014.

Clubes[editar | editar código-fonte]

[5]

Clube Temporada Campeonato
nacional
Copa
nacional[a]
Competições
continentais[b]
Outros
torneios[c]
Total
Jogos Gols Jogos Gols Jogos Gols Jogos Gols Jogos Gols
Argentina San Lorenzo 2005-06 18 3 2 1 1 0 21 4
2006-07 14 1 4 2 18 3
Total 32 4 6 3 39 7
Argentina Racing 2007-08 19 2 4 3 23 5
Total 19 2 4 3 23 5
Chile Universidad Católica 2008 16 6 2 0 6 3 24 9
2010 16 3 5 2 3 1 24 6
2014 5 4 2 0 0 0 7 4
Total 37 13 9 2 9 4 55 19
México Atlas 2008-09 30 7 3 0 8 3 33 10
2009-10 21 4 3 0 24 4
Total 51 11 3 0 8 3 3 0 65 14
Brasil Flamengo 2011 26 4 4 0 3 0 11 1 44 5
2012 0 0 0 0 8 2 17 2 17 2
Total 26 4 4 0 11 2 28 3 69 9
Brasil Coritiba 2013 18 0 0 0 2 0 0 0 20 0
Total 18 0 0 0 2 0 0 0 20 0
Total na carreira 175 34 26 12 20 6 29 1 271 54

Títulos[editar | editar código-fonte]

Argentina San Lorenzo
Chile Universidad Católica
Brasil Flamengo
Brasil Coritiba

Referências

  1. La Nación (21 de fevereiro de 2006). Darío Bottinelli: me dijeron que estoy loco por definir así. Visitado em 7 de julho de 2013.
  2. Terra (8 de janeiro de 2013). Bottinelli rescinde com Flamengo e acerta com Coritiba. Visitado em 7 de julho de 2013.
  3. Gazeta Esportiva (17 de janeiro de 2013). Em boa fase, Deivid celebra reedição de dupla com Bottinelli. Visitado em 7 de julho de 2013.
  4. globoesporte.com (5 de fevereiro de 2013). Bottinelli tem fratura no tornozelo após carrinho de Lincoln em treino. Visitado em 7 de julho de 2013.
  5. Football : Darío Bottinelli (em inglês) FootballDatabase.eu. Visitado em 11 de agosto de 2012.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de ArgentinaSoccer icon Este artigo sobre um futebolista argentino é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.