Dar al-Islam

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde Dezembro de 2008).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Dar al-Islam é um termo árabe que significa "a terra do islão". É utilizado no islão para se referir ao território no qual a religião islâmica é prevalecente.

É conjunto dos territórios onde os muçulmanos podem praticar a sua religião em liberdade, sem serem alvo ataques inimigos. São os territórios controlados pelos muçulmanos, onde se aplica a lei islâmica (charia).

É uma das três zonas em que os sábios islâmicos dividiram o mundo, segundo uma visão que remonta aos primórdios da expansão do islão a partir da Península Arábica, que contudo não se encontra no Alcorão. As outras duas zonas são Dar al-Muahadah ("terra de tratado", ou seja, as terras que se estabeleceram acordos com a terra do islão) e Dar al-Harb ("terra de guerra").

BIBLIOGRAFIA: Nicola Melis, Trattato sulla guerra. Il Kitāb al-ğihād di Molla Hüsrev, Cagliari, Aipsa, 2002.