Data mart

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Data mart (repositório de dados) é sub-conjunto de dados de um Data warehouse (armazém de dados). Geralmente são dados referentes a um assunto em especial (ex: Vendas, Estoque, Controladoria) ou diferentes níveis de sumarização (ex: Vendas Anual, Vendas Mensal, Vendas 5 anos), que focalizam uma ou mais áreas específicas. Seus dados são obtidos do DW, desnormalizados e indexados para suportar intensa pesquisa. Data marts extraem e ajustam porções de DWs aos requisitos específicos de grupos/departamentos.

As questões de planejamento, projeto e implementação são as mesmas encontradas em qualquer fase da implementação de um DW, pois uma parte dos especialistas argumenta que o DW é uma evolução natural de um Data mart que começou localizado e cresceu para atender um escopo maior. Essa visão tem defesa menos técnica e mais intuitiva do que sua contra-parte: o Data mart é criado a posteriori do DW, pois ele seria montado com dados extraídos do DW para atender especificamente um setor da organização..

Numa visão comparativa dos dados, onde consideramos os requisitos escopo, integração, tempo, agregação, análise e dados voláteis, percebemos que a diferença está no escopo, pois enquanto o DW é feito para atender uma empresa como um todo, o data mart é criado para atender um sub-conjunto da empresa. Repare que atender um sub-conjunto da empresa pode significar reunir dados de outros setores, já que, na prática, raramente um único setor possui ou gera toda informação que precisa. Vem dessa observação a defesa da tese de que o Data mart é construído após o DW.

Não se pode dizer que um Data warehouse é um conjunto de Data marts. Seria o mesmo que dizer que o armazém geral de um supermercado (onde todos os itens vão antes de seguir para as lojas) é o agrupamento de supermercados.[carece de fontes?]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Informática é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.