De La Soul Is Dead

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
De La Soul Is Dead
Álbum de estúdio de De La Soul
Lançamento 13 de Maio de 1991
Gravação 1990-1991
Gênero(s) Hip-hop
Hip hop alternativo
Duração 73:30
Formato(s) CD, LP
Gravadora(s) Tommy Boy / Warner Bros. Records
Produção De La Soul, Prince Paul
Certificação Gold.png Ouro (RIAA)
Opiniões da crítica

O parâmetro das opiniões da crítica não é mais utilizado. Por favor, mova todas as avaliações para uma secção própria no artigo. Veja como corrigir opiniões da crítica na caixa de informação.

Cronologia de De La Soul
Último
Último
3 Feet High and Rising
(1989)
Buhloone Mindstate
(1993)
Próximo
Próximo


De La Soul Is Dead é o segundo álbum de estúdio do grupo De La Soul, lançado em 1991. O álbum foi produzido por Prince Paul, que trabalhou em 3 Feet High and Rising, disco que foi louvado por críticos musicais. O álbum foi um dos primeiros a receber o "five mic" na revista "The Source".[1] Também foi selecionado como um dos 100 melhores álbuns de rap de todos os tempos; eleição feita em 1998. O título e a capa do álbum foi uma tentativa do grupo de se distanciar da pecha hippie, adquirida no primeiro álbum.[2]

O Disco[editar | editar código-fonte]

O primeiro álbum de De La Soul, 3 Feet High and Rising é amplamente considerado pela comunidade hip-hop como um clássico, deixando este, o sucessor, subestimado. A capa do álbum, um vaso quebrado de margaridas, sinaliza o fim da "D.A.I.S.Y. Age". Apesar do fato de claramente não querer ser classificado como hippies, o grupo não quis ser classificado como hardcore. A 13ª faixa do álbum, "Afro Connections at a Hi-5 (In the Eyes of the Hoodlum)", é um ataque irônico direto ao emergente gangsta rap do começo dos anos 90.

O álbum apresenta um série de skits. A introdução do disco apresenta Jeff, um personagem infantil caracterizado por Philly BlackOut, que conhece os lados-B de "Eye Know" e "Me Myself and I": "Brain Washed Follower", "The Mack Daddy on the Left," a a rara "Double Huey Skit" (todas presentes na Edição Limitada com CD bônus de 2001 de 3 Feet High and Rising). Em uma paródia dos livros infantis acompanhados de uma mídia musical, Jeff encontra uma fita cassete de um álbum do De La Soul no lixo. Ladrões aparecem, batem em Jeff, e roubam a fita. As skits seguintes mostram estes ladrões criticando as músicas do álbum. Mista Lawnge do Black Sheep faz a voz do antagonista, enquanto P.A. Pasemaster Mase caracteriza o outro ladrão que é ridicularizado por Lawnge por sua dmiração pelo álbum. Durante estas skits, o som do sinal que faz o leitor virar a página é ouvido. No final, eles jogam a fita de volta ao lixo, exclamando "De La Soul is dead." O álbum também apresenta uma rádio ficcional chamada WRMS que só toca músicas do De La Soul.

Em 2008 o álbum foi relançado em vinil. Esta versão não contém as faixas bônus do CD.

Faixas[editar | editar código-fonte]

  1. "Intro"- 2:14
  2. "Oodles of O's"- 3:31
  3. "Talkin' bout hey Love"- 2:27
  4. "Pease Porridge"- 5:02
  5. "Skit 1"- :25
  6. "Johnny's Dead AKA Vincent Mason (live in BK Lounge)"- 1:57
  7. "A Roller Skating Jam Named Saturdays"- 4:03
    • featuring Q-Tip e Vinia Mojica
  8. "WRMS' Dedication to the Bitty" - :46
  9. "Bitties in the BK Lounge"- 5:40
  10. "Skit 2"- :31
  11. "My Brother's a Basehead"- 4:20
    • featuring Squirrell e Preacher
  12. "Let, Let Me In"- 3:25
  13. "Afro Connections at a Hi-5 (In the Eyes of the Hoodlum)"- 4:02
  14. "Rap de Rap Show"- 2:19
  15. "Millie Pulled a Pistol on Santa/Keepin' the Faith"- 4:10
  16. "Who do u Worship?"- 1:59
  17. "Skit 3"- :31
  18. "Kicked Out the House"- 1:56
  19. "Pass the Plugs"- 3:30
  20. "Not Over till the Fat Lady Plays the Demo"- 1:29
  21. "Ring Ring Ring (Ha Ha Hey)"- 5:06
  22. "WRMS: Cat's in Control"- :34
  23. "Skit 4"- :12
  24. "Shwingalokate"- 4:14
  25. "Fanatic of the B-Word"- 4:09
  26. "Keepin' the Faith"- 4:45
  27. "Skit 5"- :32

Samples[editar | editar código-fonte]

A lista a seguir mostra as canções e sons sampleados para De La Soul Is Dead.

Intro

Oodles of Os

Talkin' Bout Hey, Love

Pease Porridge Hot

A Roller Skating Jam Named "Saturdays"

WRMS's Dedication to the Bitty

Bitties in the BK Lounge

My Brother's a Basehead

Let, Let Me In

Afro Connections At A Hi 5 (In the Eyes Of A Hoodlum)

Millie Pulled a Pistol on Santa

Kicked out the House

Pass The Plugs

Not Over Till the Fat Lady Plays the Demo

Ring Ring Ring (Ha Ha Hey)

Shwingalokate

Fanatic of the B-Word

Keepin' the Faith

  • "Just a Touch Of Love" por Slave (linha de baixo)
  • "Sign of the Times" por Bob James (intro teclados)
  • "Could You be Loved" por Bob Marley (riff de guitarra)
  • "The Champ" por The Mohawks (vocais: "Champ!")
  • "Walk This Way" por Aerosmith (bateria)
  • "Johnny the Fox Meets Jimmy the Weed" por Thin Lizzy (vocais: "Johnny the fox!")

Singles[editar | editar código-fonte]

Informação
"A Roller Skating Jam Named "Saturdays"
  • Lançado: 1991
  • Lado-B: "What You Life Can Truly Be", "Who's Skatin' Promo"
"Ring Ring Ring (Ha Ha Hey)"
  • Lançado: 1991
  • Lado-B: "Afro Connections at a Hi 5 (In the Eyes of the Hoodlum)"
"Millie Pulled a Pistol on Santa/Keepin' the Faith"
  • Lançado: 1991
  • Lado-B: -

Referências

  1. Classic Review: De La Soul Is Dead in The Source (1991). ifihavent.wordpress.com. Página visitada em 2009-05-25.
  2. allmusic