Dead Man Walking

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


Dead Man Walking
A última caminhada (PT)
Os últimos passos de um homem (BR)
1995 • cor • 122 min 
Direção Tim Robbins
Roteiro Tim Robbins
Elenco Susan Sarandon
Sean Penn
Robert Prosky
Celia Weston
Género drama
País  Estados Unidos  Reino Unido
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

Dead Man Walking (br: Os últimos passos de um homempt: A última caminhada) é uma co-produção estadunidense e britânica de 1995, do gênero drama, dirigida por Tim Robbins e com roteiro baseado em livro de Helen Prejean sobre um caso real.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Ao receber a carta de um preso condenado à morte pelo assassinato de dois adolescentes, e tomar conhecimento das provas precárias que o levaram à condenação, uma freira católica da Louisiana passa a ser sua guia espiritual e a lutar de corpo e alma para salvá-lo da pena de morte, que será realizada através da injeção letal.

Elenco[editar | editar código-fonte]

  • Susan Sarandon .... Irmã Helen Prejean
  • Sean Penn .... Matthew Poncelet
  • Robert Prosky .... Hilton Barber
  • Raymond J. Barry .... Earl Delacroix
  • R. Lee Ermey .... Clyde Percy
  • Celia Weston .... Mary Beth Percy
  • Lois Smith .... mãe de Helen
  • Scott Wilson .... Chaplain Farlely
  • Roberta Maxwell .... Lucille Poncelet
  • Margo Martindale .... Irmã Colleen
  • Barton Heyman .... captitão Beliveau
  • Steve Boles .... sargento Neal Trapp
  • Nesbitt Blaisdell .... Warden Hartman
  • Ray Aranha .... Luis Montoya
  • Larry Pine .... Guy Gilardi

Principais prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Applications-multimedia.svg A Wikipédia possui o

Oscar 1996 (EUA)

Globo de Ouro 1996 (EUA)

  • Recebeu três indicações, nas categorias de melhor atriz - drama (Susan Sarandon), melhor ator - drama (Sean Penn) e melhor roteiro.

Independent Spirit Awards 1996 (EUA)

  • Ganhou o prêmio de melhor ator (Sean Penn).
  • Foi também indicado na categoria de melhor atriz coadjuvante (Celia Weston).

Festival de Berlim 1996 (Alemanha)

  • Ganhou o Urso de Prata de melhor ator (Sean Penn) e o Prêmio do Júri.
  • Tim Robbins foi indicado ao Urso de Ouro (melhor filme).

Prêmio David di Donatello 1996 (Itália)

  • Susan Sarandon venceu na categoria de melhor atriz estrangeira.

MTV Movie Awards 1996 (EUA)

  • Recebeu uma indicação na categoria de melhor atuação feminina (Susan Sarandon).

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • A verdadeira Helen Prejean aparece em uma ponta no filme, na cena da vigília à luz de velas do lado de fora da prisão.
  • O título em inglês Dead Man Walking é uma gíria usada pelos guardas das prisões quando escoltam os prisioneiros da fila da morte de suas celas até as câmaras de execução.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]