Delta do Mississippi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Os diferentes lóbulos do Mississippi desde há 4600 anos.
 
4600 anos
 
4600-3500 anos
 
3500-2800 anos
 
2800-1000 anos
 
1000-300 anos
 
750-500 anos
 
desde há c. 550 anos

O delta do Mississippi forma o estuário e foz do rio Mississippi no estado da Louisiana, no sul dos Estados Unidos da América. Este delta é formado por aluviões depositados pelo rio quando este se aproxima das águas do golfo do México. O rio continua a avançar para sul. O delta do Mississippi constitui um rico ecossistema ameaçado pelas actividades humanas. O delta cobre uma área de 75 000 km² (mais de 400 km de largura leste-oeste, com 200 km de profundidade norte-sul),[1] sobre o qual vivem cerca de 2,2 milhões de pessoas, a maior parte dos quais vive na aglomeração de de Nova Orleães.[2] Comparado com outros deltas, como o delta do Nilo, a densidade populacional é relativamente baixa.

No último século, o rio Mississippi tem vindo a tributar muito fluxo ao rio Atchafalaya com a separação a ocorrer cerca de 95 km a noroeste de Nova Orleães. Em meados do século XX, foi observado que o Mississippi irá abandonar o seu canal presente como canal de escorrência principal, e migrar para a bacia do Atchafalaya.

A zona do delta do Mississippi foi profundamente afectada pela passagem dos furacões Katrina e Rita em agosto e setembro de 2005.

Delta do Mississippi em imagem de satélite, antes da passagem dos furacões Katrina e Rita no verão de 2005.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Planète Terre, artigo de Pierre-André Bourque, Universidade de Laval, Canadá
  2. R. De Koninck, Le delta du Mississippi, 2006, p. 40.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre geografia dos Estados Unidos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.