Demografia do Afeganistão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde Janeiro de 2009).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Pirâmide demográfica do país em 2005.

A demografia do Afeganistão é etnicamente e linguisticamente mista. Isto reflete a sua localização no centro histórico do comércio e das rotas de invasões lideraras desde a Ásia Central até ao sul ou sudoeste asiático. O Afeganistão pode ser considerado como um país de minorias, dado que não existe qualquer grupo maioritário. De facto, os pachtuns são o maior grupo étnico, seguido pelos tajiques em segundo lugar, pelos hazaras e usbeques empatados em terceiro lugar e depois pelos aimaques, turcomenos, baluches, nuristanes e outros grupos menores. O pastum e o persa (chamado no Afeganistão de dari) são as duas línguas oficiais do país. O persa é falado por pelo menos metada da população e serde de língua franca O pastum é falado maioritariamente no sul, este e sudoeste. O usbeque e o turcomeno são falados no norte. Grupos menores espalhados pelo país falam igualmente mais de 70 outras línguas e numerosos dialectos.

Com a capital em Cabul e uma área de 647.500 km²; e 29.863.000 hab. (46 hab/km²), o Afeganistão é um dos países mais pobres e inóspitos do mundo. A instabilidade política e os conflitos internos arruinaram a sua já débil economia e infra-estruturas a tal ponto que 1/3 da sua população afegã abandonou o país.

Segundo uma estimativa de 2006, a população cresce 2,67% ao ano. O índice de natalidade é de 46,6 a cada 1000 habitantes, enquanto o índice de mortalidade é 20,34 a cada 1000 habitantes. A taxa de mortalidade infantil é de 160.23 mortes a cada 1000 nascimentos. A expectativa de vida é de 43.34 anos.

Línguas[editar | editar código-fonte]

Distribuição dos grupos lógicos no Afeganistão.

O pachto e o persa (normalmente é usado o dialeto dari) são ambas línguas oficiais do país. O persa é falado por 50% e o Pachto por 35% da população. Além disso, há línguas não tão difundidos como as línguas turcomanas: O uzbeque e turcomeno são falados por 8% e 3%, respectivamente. O balúchi é falado por 2% da população e outros 2% falam línguas menores.

Grupos étnicos[editar | editar código-fonte]

O Pachtun é o maior grupo étnico do páis tendo cerca de 42% da população. Tadjiques são 27%; Hazaras: 9%; Uzbeques: 9%; Aimak: 4%; Turcomanos: 3%; Balúchis: 2%, grupos menores: 4% formam o restante da população.

Distribuição dos grupos etno no Afeganistão.
Gráfico dos grupos étnicos do Afeganistão

Religião[editar | editar código-fonte]

O povo afegão é 99% islâmico (Sunitas: 80%, Xiitas: 19%) e o 1% restante por outras religiões. Antes da rivalidade do Islão, os budistas e zoroastras eram predominantes na região.

Ícone de esboço Este artigo sobre geografia (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.